Dos Anjos perde e se afasta de disputa por título meio-médio do UFC

Combate do brasileiro foi a atração principal do TUF Finale 28, evento organizado em Las Vegas

Por: Do Estadão Conteúdo  -  01/12/18  -  14:29

O brasileiro Rafael dos Anjos perdeu para o nigeriano Kamaru Usman por decisão unânime dos juízes (50 x 43, 49 x 45 e 48 x 47), em luta realizada nesta sexta-feira, pela divisão dos meio-médios (até 77,1 Kg) do UFC. O combate foi a atração principal do TUF Finale 28, evento organizado em Las Vegas, nos Estados Unidos.


Com a derrota, Dos Anjos se afasta de uma possível disputa por um cinturão da categoria. O brasileiro, ex-campeão dos leves (até 70,3 Kg), venceu as três primeiras lutas que fez como meio-médio no UFC, mas já vinha de derrota para o norte-americano Colby Covington, em junho, em duelo que valia o título interino da divisão.


Rafael dos Anjos foi derrotado pelo nigeriano Usman
Rafael dos Anjos foi derrotado pelo nigeriano Usman   Foto: Getty Images

Especialista em derrubar adversários, Usman foi dominante no combate. O nigeriano encurralava Dos Anjos, que parecia não conseguir soltar seu jogo por causa da preocupação em não ir ao solo. O brasileiro perdeu a maior parte das trocas de golpes em pé e foi colocado de costas para o chão 12 vezes.


Faixa preta de jiu-jitsu, Dos Anjos até ensaiou aplicar uma kimura em Usman, no terceiro assalto, mas o nigeriano conseguiu se livrar do golpe. No último round, o brasileiro sofreu muito dano e apenas se defendeu nos minutos finais, evitando ser nocauteado.


Usman chegou a nove vitórias em nove lutas disputadas no UFC. O nigeriano é cotado para ser o próximo desafiante ao título meio-médio da organização, seja pelo cinturão linear, de Tyron Woodley, ou pelo interino, de Covington. Caso o Ultimate escolha promover um duelo entre os campeões, Usman poderá optar por esperar o vencedor do confronto ou aceitar outro adversário para não ficar inativo.


Confira os resultados do TUF Finale 28:


Card principal


Kamaru Usman venceu Rafael dos Anjos por decisão unânime dos jurados


Juan Espino venceu Justin Frazier por finalização no primeiro round


Macy Chiasson venceu Pannie Kianzad por finalização no segundo round


Pedro Munhoz venceu Bryan Caraway por nocaute técnico no primeiro round


Edmen Shahbazyan venceu Darren Stewart por decisão dividida dos jurados


Antonina Shevchenko venceu Ji Yeon Kim por decisão unânime dos jurados


Card preliminar


Kevin Aguilar venceu Rick Glenn por decisão unânime dos jurados


Joseph Benavidez venceu Alex Perez por nocaute técnico no primeiro round


Maurice Greene venceu Michel Batista por finalização no primeiro round


Leah Letson venceu Julija Stoliarenko por decisão dividida dos jurados


Roosevelt Roberts venceu Darrell Horche por finalização no primeiro round


Tim Means venceu Ricky Rainey por nocaute técnico no primeiro round


Raoni Barcelos venceu Chris Gutierrez por finalização no segundo round


Logo A Tribuna