Campeã nacional de rugby, equipe de Itanhaém celebra conquista e vê futuro do esporte com otimismo

Treinadora e jogadora do Athenas Rugby conversaram com A Tribuna On-Line e falaram sobre o título

Por: Caíque Stiva  -  08/12/18  -  11:20
Meninas da Athenas Rugby foram campeãs na semana passada
Meninas da Athenas Rugby foram campeãs na semana passada   Foto: Prefeitura de Itanhaém/Divulgação

Ainda sem tanta popularidade no Brasil, o rugby dá indícios de que será bem representado na Baixada Santista. Na última semana, a equipe feminina do Athenas Rugby, de Itanhaém, conquistou o título do Campeonato Brasileiro de Rugby League 9s, em São Paulo, e mostrou que a região pode ter talentos promissores no esporte.


A Rugby League é uma das diversas variações do rugby Union (categoria principal). Ele é jogado por nove jogadoras dentro de campo com dois tempos de nove minutos, além de ter pequenas mudanças de regras e fundamentos para se diferenciar das demais modalidades.


Treinadora da equipe itanhaense, Naiara Pantel conversou com A Tribuna On-Line e explicou que a conquista do Campeonato Brasileiro de Rugby League 9s veio após um improviso na equipe.


"Este título é muito importante para nós. Conquistamos com esforço, treinos fortes e puxados, com muito empenho, determinação e dedicação. Treinávamos outra modalidade, a de 7s, que é a modalidade olímpica. Então, tivemos que nos readaptar e mudar várias coisas dentro do time. Esse título mostra a nossa capacidade.Esperamos que ele também nos ajude a conseguir mais patrocínios, pois os gastos são altos", comentou.


A participação do Athenas no campeonato veio através de um convite feito pela Confederação Brasileira de Rugby League, com o intuito de divulgar a categoria aos clubes. No entanto, apesar do título, a equipe de Itanhaém foi criada sem ambições maiores. Jogadora e fundadora do time, Danusa Alves revelou que a ideia era prestar serviços sociais ao bairro Guarapiranga.


"Nós fundamos o Athenas Rugby em março deste ano com o desejo de inserir aos moradores do bairro a cultura dos valores do esporte: respeito, disciplina, integridade, paixão e solidariedade. Iniciamos com a Escolinha do time feminino, mas o interesse foi crescendo e, atualmente, temos cerca de 70 atletas nas categorias infantil, juvenil e adulto (masculino e feminino).", explicou.


Otimismo


O título nacional animou as integrantes da equipe feminina do Athenas. Tanto Naiara, como Danusa, acreditam que o rugby tem crescido constantemente no Brasil e, se houver maior visibilidade, o país pode se tornar uma potência.


"O rugby já é bem grande e muito popular, existem centenas de times pelo Brasil. Só no Estado de São Paulo, são mais de 100 clubes. O que falta é visibilidade. Temos um núcleo de alto rendimento masculino e feminino e sede própria para as seleções. O problema é que o rugby é um esporte caro, então a visibilidade é tudo, pois os times precisam de patrocínios", conclui Naiara.


Escolinha


O time Athenas Rugby também oferece treinos infantis e juvenis, que acontecem três vezes na semana, de forma gratuita. Às terças e quintas-feiras, a prática é realizada das 18 às 19h30. No sábado, o treino ocorre das 10h30 às 12h.


Às terças e quintas-feiras, a prática acontece no Grêmio Municipal de Itanhaém, que fica na Avenida Gentil Perez, 260, no bairro Sabaúna. Já no sábado, os treinos são no campo da EM Elga Reis, na Rua Antônio Assunção Filho, 210, no bairro Guapiranga.


Logo A Tribuna