Paratleta de Santos corre maratona virtual em esteira adaptada para cadeira de rodas

Vanessa Cristina participou da prova de Boston sem sair de casa. Ela completou o trajeto de 42 km em 1h40min15seg

Referência entre cadeirantes em maratonas internacionais, a paratleta santista Vanessa Cristina correu a prova de Boston sem sair de casa nesta segunda-feira (20). Ela usou uma esteira adaptada para cadeira de rodas para completar o trajeto de 42 quilômetros em 1h40min15seg.

"Primeira vez que faço uma maratona no rolo. Já tinha feito 30 quilômetros, mas com séries descansando. Uma hora e 40 minutos sem parar foi a primeira vez. Estou quebrada, mas feliz", declarou a paratleta, que compete pela equipe Fast Wheels/Unimes/Santos

Devido à pandemia do novo coronavírus, a Maratona de Boston foi adiada de abril para setembro deste ano. Vanessa espera que o problema relacionado à Covid-19 seja resolvido para que a prova não seja remarcada novamente. "Se acontecer, certamente estarei lá", assegurou.

O objetivo da competição virtual, que contou com a participação de mais 67 atletas, por meio de uma videoconferência, era correr durante 1h18min, marca do recorde masculino da prova.

Antes da paralisação do esporte mundial e da quarentena, Vanessa Cristina estava participando de provas de longa distância em busca do índice para participar dos Jogos Paralímpicos de Tóquio.

Tudo sobre: