EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

18 de Novembro de 2019

Júlia Santos conquista vice na 2ª etapa do Circuito Brasileiro de Surf Profissional

Agora, a surfista de São Vicente, mas que compete por Santos, está perto do título da categoria feminina

A surfista Júlia Santos, de 23 anos, foi a vice-campeã da 2ª etapa do Circuito Brasileiro de Surf Profissional, realizado pela Confederação Brasileira de Surfe, em São Francisco do Sul, Santa Catarina.

Atleta profissional há dois anos e com trajetória amadora de sucessivas conquistas, Júlia é de São Vicente, mas compete pela Fupes, de Santos. A surfista teve uma performance crescente no campeonato e, agora, está próxima do título do torneio.

"Fiquei em terceiro na primeira etapa e agora estou em segundo lugar no ranking, com uma diferença muito pequena da primeira colocada. Foram 24 atletas que disputaram o circuito", comentou Júlia, que é bicampeã guarujaense, tricampeã do circuito surfe colegial e tricampeã santista e vicentina.

Neste fim de semana, ela segue para Ubatuba, litoral norte, para participar de outra etapa do Circuito Brasileiro, da Associação Brasileira de Surfe Profissional. Para isso, ela treina de terça a sexta-feira no Quebra-Mar e o Parque Roberto Mário Santini (emissário submarino). É ali que ela realiza treinos técnicos, que incluem análise de desempenho e simulação de competições, e físico, com ioga e ginástica natural.

Antes de ‘cair’ na água, Júlia coloca parafina na prancha, faz aquecimento na areia para evitar lesão e observa o mar por alguns minutos. “É preciso ver onde está a melhor onda, onde há correnteza. Estudo o mar para poder entrar, porque com ele não se brinca”, diz a atleta, que pretende conquistar mais títulos como profissional.

"Meu sonho é entrar para o WCT, que é a Liga dos melhores do mundo, e ser campeã mundial. O suporte da Fupes me dá segurança para traçar planos na minha carreira", disse ela, que começou no surfe aos 11 anos, em uma igreja chamada Surfistas de Cristo.

Tudo sobre: