EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

18 de Novembro de 2019

Ianckee Praia Clube tenta retomar atividades em Santos

O que começou com reuniões entre amigos para jogar futebol na praia se tornou um futebol de qualidade

Há 38 anos, era fundado o Ianckee Praia Clube. O que começou com reuniões entre amigos para jogar futebol na Praia do José Menino, em Santos, se tornou um futebol de qualidade. 

Faz tempo que a equipe parou de se encontrar todos os domingos e de participar de torneios amadores de futebol de praia. Agora, o presidente do clube, Valdir dos Santos Ferreira, revela que há reencontro marcado para o próximo dia 22. 

“Vamos tentar reunir o pessoal todo, fazer uma confraternização no posto 2 da praia, onde a gente se encontrava”, diz. Ele conta que planeja voltar a ter partidas com a mesma regularidade de antes. “Será um jogo dos cinquentões”. 

Outra ideia é fazer jogos com os filhos dos ex-jogadores, para servir como vitrine para times profissionais. 

História 

Foram muitos os torneios amadores que o Ianckee participou. Dentre eles, Valdir, que além de presidente diz ter sido o artilheiro do clube, destaca os quatro títulos no Campeonato Santista de Futebol de Praia. “Fomos tetracampeões e nos últimos três campeonatos ficamos invictos”. 

Apesar de se configurar como equipe amadora, a seriedade estava em nível profissional. Os atletas contavam com técnico e massagistas, e eram realizados treinos técnicos e físicos com regularidade.

O nível era tanto que muitos ex-jogadores do Ianckee fizeram carreira no futebol. O próprio Valdir, nos anos 80, teve passagens na base do Santos, depois foi para o Internacional de Limeira, Paulista de Jundiaí e Bras Boston, nos Estados Unidos. 

Tudo sobre: