Rogério e Cascione rivalizam o voto entre a comunidade católica

Banha lidera com folga entre os espíritas, conforme rodada inicial de intenção de votos, realizada pelo Instituto de Pesquisas A Tribuna (IPAT)

Os três primeiros colocados na rodada inicial de intenção de votos, realizada pelo Instituto de Pesquisas A Tribuna (IPAT), têm comportamento diferente no recorte religião. Rogério Santos e Vicente Cascione  rivalizam o voto entre a comunidade católica. Já Banha lidera, com folga, entre os espíritas.

Assine A Tribuna agora mesmo por R$ 1,90 e ganhe Globoplay grátis e dezenas de descontos!

Leia Mais:

Rogério Santos, Vicente Cascione e Banha aparecem empatados na corrida ao paço santista

Bolsonaro pode ser ‘pedra no sapato’ dos candidatos a prefeito

Gestão de Paulo Alexandre Barbosa é bem avaliada, indica IPAT

66,7% do eleitorado não definiu candidato a vereador

Mesmo sem ter nome nas urnas, Paulo Alexandre Barbosa lidera pesquisa espontânea, diz IPAT

Rogério é preferido entre os jovens, Cascione no eleitorado mais velho

 

Conforme a pesquisa do IPAT, Rogério é o mais lembrado entre os praticantes de religiões de matrizes africanas. Nesse recorte, ele obteve 17,6% das intenções de voto. Também é o primeiro colocado entre os que não seguem uma doutrina (9,2%) e a soma das demais religiões (16,7%).

Apesar de liderar entre os católicos, com 13,5%, Rogério está apenas 0,4 ponto percentual à frente de Cascione (13,1%) nesse segmento. O ex-deputado federal é o mais lembrado entre os evangélicos, com 9,4% dos entrevistados. Já Banha registrou 15,3% no recorte entre declarados espiritas.

Rejeição 

Católicos (10,6%) e evangélicos (8,5%) concentram o maior recorte entre os que rejeitam o nome de Banha nas urnas. Rogério foi preterido por 17,6% entre os adeptos das religiões de matrizes africanas. Já 11,5% dos espiritas informaram não votar em Cascione.

O IPAT ouviu, a pedido de ATribuna.com.br, 800 eleitores santistas entre os dias 15 e 16 de setembro, levando em conta a população proporcional de cada bairro.

O intervalo de confiança do levantamento é estimado em 95%, com margem de erro estatístico de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral, como número de identificação SP-02729/2020.

Tudo sobre: