Três cidades da Baixada Santista cancelam queima de fogos na virada para 2021

Prefeituras estão avaliando como irão celebrar a data por conta da pandemia do novo coronavírus

Três cidades da Baixada Santista anunciaram a suspensão da tradicional queima de fogos na virada do ano para 2021. Guarujá, Praia Grande e Peruíbe optaram por não realizar o espetáculo no réveillon, visando evitar aglomeração de pessoas, em decorrência da pandemia de Covid-19.

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Em Praia Grande, a prefeitura segue atenta às diretrizes determinadas pelo Plano São Paulo, que propõe diferentes formatos conforme a fase em que a região se encontra. A queima de fogos, assim como outros eventos passíveis de aglomeração social, está suspensa.

Em Santos, o prefeito Paulo Alexandre Barbosa declarou em live que é "inviável" a celebração do ano novo na praia. A Secretaria de Cultura (Secult) santista declarou que as decisões futuras sobre o réveillon serão tomadas em conjunto por autoridades sanitárias, representantes da sociedade civil e da administração municipal.

As prefeituras de São Vicente, Mongaguá, Itanhaém e Cubatão ainda não definiram se haverá ou não a tradicional queima de fogos na virada para 2021.

Tudo sobre: