EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

20 de Julho de 2019

Sistema Cross é tema de reunião entre parlamentares e Departamento Regional de Saúde

Deputada Federal Rosana Valle e membros da Uvebs se encontraram com a diretora do DRS-IV para tratar do funcionamento da central de vagas na Saúde

A Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde, conhecida como Sistema Cross, foi o tema de uma reunião entre a deputada federal Rosana Valle (PSB-SP) e a diretora do Departamento Regional de Saúde (DRS-IV), Paula Covas. O encontro foi realizado na última sexta-feira (10). Representantes da União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) também acompanharam a discussão

A reunião foi um pedido da parlamentar, que buscou maiores esclarecimentos sobre o funcionamento da central de vagas na Saúde. A unificação das vagas é uma reivindicação antiga dos representantes das cidades da Baixada Santista. 

Em entrevista a A Tribuna On-Line, o presidente da Uvebs, o vereador Roberto Andrade e Silva, o Betinho (MDB), de Praia Grande, destacou que, com exceção a Santos - que tem a maior parte dos serviços em saúde -, os habitantes das outras cidades da região são dependentes do sistema. Entretanto, não há uma transparência por parte do Governo do Estado de São Paulo.

Segundo o DRS-IV, 30% das vagas do SUS não são utilizadas por falta de verbas ou profissionais da área da saúde. A deputada busca fazer a ponte entre departamento e membros dos Legislativos municipais para que a disponibilidade de vagas seja mais clara, transparente e melhor utilizada.

"Recebo reclamações todos os dias de famílias que lutam para internar os parentes e não conseguem. A falta de vagas é um problema crônico na Baixada Santista. Atualmente, 30% dos leitos do SUS estão fechados por falta de recursos. Diante desse quadro, entendo que o Cross, sistema que regula a oferta serviços de saúde e é administrado pelo governo do Estado, precisa ser unificado e mais transparente. Só com a parceria das cidades e dos hospitais credenciados ao SUS podemos tentar diminuir o sofrimento dos pacientes e equacionar os problemas da saúde na região", analisou a deputada.

Vistoria na saúde

Ainda na sexta-feira, Rosana iniciou uma série de visitas à hospitais públicos e unidades de saúde da região. Ela iniciou os trabalhos no Hospital Santo Amaro, em Guarujá, e no Hospital Municipal de São Vicente (antigo Crei).

Na sequência, a pessebista foi até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e o Hospital da Zona Noroeste, em Santos. A parlamentar pretende vistoriar as principais instalações de saúde da Baixada Santista, Litoral Sul e Vale do Ribeira. O objetivo é levantar informações para destinação de emendas parlamentares e verbas para projetos junto ao Ministério da Saúde.