EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

18 de Setembro de 2019

Secretário estadual afirma que São Paulo descarta túnel já; 'ponte é o modelo'

Titular da pasta diz, ainda, que o Governo pretende apoiar as obras na Ponte dos Barreiros

O secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, não avalia estudar o projeto de túnel para ligar as margens do Porto de Santos – ideia recentemente remodelada pela Companhia Docas do Estado (Codesp): quer tornar a ponte real. A Prefeitura de Santos apoia e diz que, se a União investir, ponte e túnel são bem-vindos.

Presente ao Lide Santos, evento que reuniu empresários nesta quinta-feira (12) no Sheraton Hotel, Vinholi disse que, agora, basta esperar o licenciamento ambiental da ponte para continuar o projeto, a ser custeado pela Ecovias.  

“O modelo da ponte com ampliação do contrato da Ecovias é o modelo posto. O estado está aberto à argumentação, mas é muito mais prático colocar o que tem modelo de investimento pronto”, afirmou para A Tribuna.  

O prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB) ressaltou que “uma ligação seca só não vai resolver todas as demandas. Apoiamos propostas com viabilidade técnica, ambiental e econômica. Mas, quando você não tem dinheiro para fazer uma obra, ela não passa de sonho de uma noite de verão”, comentou, sem descartar propostas.  

“Se temos um Governo do Estado disposto a colocar dinheiro, não nos resta outra alternativa senão apoiar integralmente a ponte. Se o presidente Jair Bolsonaro [PSL] colocar recursos para fazer o túnel, a cidade vai estar de portas abertas”, completou.  

Sobre a Ponte dos Barreiros, em São Vicente, Vinholi reiterou que o estado está disposto a apoiar. Não assegura 100% de verba estadual na reforma, “mas nos dispomos a ajudar”.