EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

9 de Agosto de 2020

Santos terá uma nova Vila Criativa, no BNH Aparecida

O equipamento será entregue esse ano, sendo o nono do município

Santos ganhará uma nova unidade de Vila Criativa neste ano, a nona do município, para atender a comunidade do BNH Aparecida. O equipamento terá 863 metros quadrados de área construída e funcionará na escola dos Andradas (Rua Almirante Ernesto de Melo Júnior, 150).

Criadas a partir de 2015, as Vilas Criativas são consideradas um dos principais projetos de inclusão social e profissional desenvolvidos na Cidade. “É um dos caminhos para Santos continuar crescendo social e economicamente”, afirma o secretário municipal de Governo, Rogério Santos.

Com custo de obra orçado em pouco mais de R$ 2,1 milhões, a Vila Criativa dos Andradas será um galpão multiuso, custeada com verba de emenda parlamentar de R$ 1 milhão destinada pelo deputado estadual Tenente Coimbra (PSL) e complementada pela Prefeitura por meio de Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigadoras e/ou Compensatórias (Trimmc) firmado com a iniciativa privada. A escola dos Andradas também será reformada.

Atividades

Atualmente, cerca de 6 mil pessoas são atendidas pelas Vilas Criativas, em mais de 40 atividades livres voltadas a crianças, jovens e adultos, como dança, futebol e violão, além de inglês, espanhol e culinária.

Ainda oferecem treinamento supervisionado em academia (equipada com aparelhos) e sessões de cinema em salas de projeção instaladas nas unidades da Vila Nova (Praça Rui Ribeiro Couto s/nº), Vila Progresso (Rua 3, s/nº) e Penha (Rua Brigadeiro Newton Braga, 39). Os outros equipamentos ficam na Vila Nova (Praça Iguatemi Martins, s/nº), Morro Nova Cintra (Caminho da Lagoa, s/nº) e Zona Noroeste (Av. Hugo Maia, 293).

Há, ainda, a Vila Criativa Sênior (Rua Comendador Alfaia Rodrigues, 260, Embaré), voltada à população com mais de 50 anos, oferecendo atividades nas áreas de tecnologia, Educação, Saúde e mobilidade física, e a Ecofábrica (Praça Iguatemi Martins s/nº, Vila Nova), com escola de marcenaria ecológica que ensina o ofício por meio da construção de mobiliário com madeira 100% reciclada.

“As pessoas são a alma das Vilas Criativas. É incrível ver esses espaços ocupados e oferecendo não só oportunidades, como qualidade de vida”, diz Santos.

Tudo sobre: