EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

12 de Julho de 2020

Santos poderá ter jardins que minimizam transtornos causados pela chuva

Utilizados em bairros de São Paulo e em Nova York, 'jardins de chuva' são criados para impedir o acúmulo da água que vai direto para os bueiros

A Câmara Municipal de Santos apresentou uma sugestão à prefeitura para tentar minimizar os impactos e transtornos causados pela chuva. A implementação dos chamados 'jardins de chuva' ocasionaria, também, paisagismo a diversos pontos da cidade.

O jardim de chuva serve para aumentar a absorção de água pelo solo. Na prática, trata-se de ajardinamentos em parte das calçadas, canteiros centrais e outras áreas urbanas.

A medida foi apresentada pelo vereador Fabrício Cardoso (PSB), que explicou que o canteiro seria construído em um nível abaixo das ruas ou calçadas, assim possibilitando a passagem da água pluvial por meio de aberturas no meio fio. Desta forma, parte do volume de água que iria para os bueiros ficaria acumulada no local.

"Vi nessa medida uma possibilidade de reduzir os impactos causados pelas chuvas na cidade, que sabemos que são muitos. Agora, cabe à prefeitura analisar a viabilidade dessa técnica em nosso munícipio", afirmou o parlamentar.

Vereador Fabrício Cardoso apresentou proposta do 'jardim de chuva' à Prefeitura de Santos (Foto: Divulgação)

São Paulo e no mundo

A medida já é praticada há tempos em alguns bairros de São Paulo. Inclusive, a prefeitura informou que o bairro Pacaembu terá o maior sistema de jardins de chuva da área central. Ao todo, serão cinco jardins, com área de 2.300 m², que terão a função de ampliar a permeabilidade urbana.

Nos Estados Unidos, na cidade de Nova York, há ao todo 4.000 jardins de chuva, incluindo dos bairros mais populares da cidade, como Brooklyn, Bronx e Queens. A prefeitura anunciou a construção de mais 5 mil novos jardins.

Segundo cálculos, a medida irá evitar que cerca de 2 milhões de metros cúbicos de água entrem para o sistema de esgoto da cidade, evitando inundações e transbordamento de bueiros.

Tudo sobre: