EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

20 de Novembro de 2019

Santos planeja roteiro turístico na orla com bicicletas

Testes para a formatação do percurso foram iniciados na segunda-feira

Sinônimo de mobilidade urbana sustentável, as bicicletas podem ser o meio escolhido por turistas para conhecer os atrativos de Santos. Essa é a base de um roteiro sob duas rodas idealizado pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur) pela e Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Testes para a formatação do percurso foram iniciados na segunda-feira. 

O trajeto começou na Praça das Bandeiras, no Gonzaga, e terminou no Aquário, na Ponta da Praia, percorrendo a ciclovia da orla. O primeiro grupo fez paradas em pontos como Cine Arte Posto 4 (Gonzaga), relógio do sol (Boqueirão), monumento ao poeta Vicente de Carvalho (Boqueirão) e o Aquário (Ponta da Praia). 

Técnicos dos dois órgãos detalham o roteiro, que deve ter no máximo uma hora de duração. “A Cidade, por ser plana, tem tudo a ver com a bicicleta. Tanto o santista quanto as pessoas que nos visitam já têm essa relação com as duas rodas”, explica o secretário de Turismo, Odair Gonzalez. 

No teste inicial, a equipe de guias de turismo optou por usar bicicletas da Bike Santos, sistema de compartilhamento também disponível para turistas em aplicativo no celular. Não se descarta uma parceria para aluguel de bicicletas com lojas do ramo. 

Roteiro 

A ideia é que o roteiro, ainda sem nome, seja realizado aos sábados, a partir das 16 horas. Assim, o visitante poderá fazer uma pausa na FeirArt (Feira de Artesanato, no Boqueirão) e assistir à apresentação do Chorinho no Aquário, após as 18 horas.

Gonzalez ressalta que o ideal seria que o roteiro fosse promovido com suporte de uma agência de turismo, que se responsabilizaria pela organização. Ele destaca que a cidade tem mais de 50 quilômetros de vias exclusivas para ciclistas, e quase outros dez quilômetros em fase de construção. 

“Toda semana, há a oferta de eventos culturais, de turismo. (O roteiro por bicicleta) De certa forma, pode incentivar a população e quem nos visita a frequentar esses espaços”, finaliza.

Após ajustes, o trajeto fará parte de iniciativas como Roteiro da Fé, Rota do Café e Circuito das Aves.

 

Tudo sobre: