EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

21 de Agosto de 2019

Saiba como fazer doações por meio do Imposto de Renda

Doações ao Fundo da Criança e do Adolescente podem ser feitas pela declaração anual do IR

É possível ajudar o Fundo da Criança e do Adolescente com uma doação por meio da declaração do Imposto de Renda. Destinando parte do que se pagaria de tributo à instituição, atividades e projetos da entidade são beneficiados. Até 30 de abril, esse tipo de doação pode ser feito por meio da campanha Destinação Criança.

Pela iniciativa, é possível destinar 3% do valor devido do Imposto de Renda (no ato da declaração) para o fundo, que financia projetos esportivos, culturais, profissionalizantes, de assistência social e educação, beneficiando crianças e adolescentes de Santos.

Segundo a presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA), Suzete Faustina dos Santos, esta forma de doação é recente, com início em 2012. No ano passado, as destinações feitas por meio da declaração resultaram em uma arrecadação de 330 mil, aumento de 10% em relação a 2017, quando as arrecadações totalizaram 294 mil. Atualmente, existem seis projetos financiados pelo fundo.

De acordo com a Receita Federal, a expectativa é de aumentar os números, pois o potencial de arrecadação para a Baixada Santista é de R$ 30 milhões. O CMDCA pretende investir R$ 3 milhões em capacitações e projetos voltados a crianças e adolescentes.

Como doar

Para fazer a doação, primeiramente é necessário que a declaração seja feita pelo modelo completo. Basta acessar a seção “resumo da declaração” e, depois, “doações diretamente na declaração”.

O próprio programa vai calcular o valor referente aos 3%. Depois, é só destinar a quantia. Para quem tem valores a restituir, não há ônus algum, pois, posteriormente, o valor doado é totalmente devolvido pela Receita Federal, corrigido pela taxa Selic. Antes de fazer a declaração do IR, o contribuinte pode, também, consultar o contador para saber se é possível fazer a doação.