Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Postos de vacinação em Santos têm doses encerradas após 30 min: 'É um desrespeito com os idosos'

Na igreja Nossa Senhora do Rosário da Pompeia, onde mais de 100 pessoas aguardavam na fila antes de a unidade abrir, só havia 70 doses

Por: Rosana Rife  -  03/03/21  -  13:28
Atualizado em 03/03/21 - 13:54
Idosos com idade entre 77e 79 anos tiveram dificuldade para conseguir tomar a vacina
Idosos com idade entre 77e 79 anos tiveram dificuldade para conseguir tomar a vacina   Foto: Carlos Nogueira/AT

Idosos com idade entre 77e 79 anos tiveram dificuldade para conseguir tomar a vacina contra a covid-19, em Santos. A cidade só recebeu doses suficientes para atender 37% desse público. Resultado: em praticamente meia hora já havia ponto de imunização sem o medicamento e muita gente revoltada com a situação.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


É o caso do posto montado na igreja Nossa Senhora do Rosário da Pompeia, onde mais de 100 pessoas aguardavam na fila antes de a unidade abrir, às 8 horas. Mas só havia 70 doses. 


Com a promessa de reposição de mais 100 doses, os funcionários organizaram fila e informaram que chegava depois que já não havia medicação no local. Muita gente aguardava debaixo do sol e em pé.


Clóvis Mazer Júnior, 45 anos, acompanhava a mãe, Iara Mazer, 79 anos,  na saga pela vacina. O posto na Pompéia era o terceiro lugar onde ele tentava imunizá-la.


Muita gente aguardou debaixo do sol e em pé
Muita gente aguardou debaixo do sol e em pé   Foto: Carlos Nogueira/AT

"Saímos de casa às 7 horas e é o terceiro lugar que venho e não encontro vacina. Já passamos pela quadra da União Imperial, no Marapé, e no Templo Projeto de Deus, Campo Grande, e nada".


"Mora qui perto, mas as 7 horas a fila já dobrava o quarteirão, então fomos procurar outros postos. Perco até a vontade de tomar a vacina diante dessa falta de estrutura e planejamento", acrescenta Iara.


O aposentado Sérgio Orlando Cordeiro Alves, 79 anos, estava indignado com a situação. Ele chegou às 9 horas, na Igreja da Pompeia, mas saiu sem a vacina. "É um desrespeito com os idosos. Fazem a gente sair de casa, correndo riscos, andar até um posto, e não tem vacina. Não consigo andar direito. E vim. O que querem que a gente traga um banquinho e  venha madruga para a fila? É um absurdo. Vergonhoso".


A aposentada Dinar Otsuru de Oliveira, 76 anos, estava perdida em frente ao posto, na Pompeia. Ela conta que é difícil tirar o marido, João Paiva de Oliveira, 79 anos, de casa. Ele tem deficiência física, Alzheimer e diabetes.


"Foi bem difícil sair com ele e chego aqui não tem vacina e ninguém sabe me dizer para onde posso ir ou o que fazer. Falei para todo mundo que hoje era a vez dele ser imunizado e isso não vai acontecer. As irmãs dele, da mesma faixa etária, moram no Rio de Janeiro e todas já tomaram a vacina. É triste".


Resposta


De acordo com a Prefeitura, haverá reposição de doses nas unidades enquanto houver estoque. A administração municipal recomenda que idosos em automóveis priorizem a imunização no drive-thru localizado na Arena Santos. Já, os caminhantes a instrução é para que busquem a dose da vacina no posto instalado no Rebouças. 


Vacinação Normal 


Ao contrário de outras unidades de saúde de Santos onde as doses de vacina contra covid-19 já acabaram, o atendimento no drive thru montado no Arena Santos se mantém normal. Os idosos aguardam cerca de meia hora na fila até serem imunizados.


Movimento na entrada da Arena Santos
Movimento na entrada da Arena Santos   Foto: Carlos Nogueira/AT

As 10 horas somente 70 carros aguardam atendimento. A recomendação, então, é que quem ainda não conseguiu tomar a vacina se dirija ao drive.


Foi o que fez a moradora Margarete Pereira, 49 anos, que trouxe a mãe, Laura Pereira, 79 anos, e a tia, Cecília Alves,77 anos. "Está bem ágil. É um alívio ver as duas vacinadas. Tira um peso da gente".


Outro ponto que ainda possui doses para idosos no momento é no Ginásio do Rebouças, na Ponta da Praia.


Logo A Tribuna