EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

10 de Julho de 2020

Pacientes se queixam da UPA Central de Santos

Segundo pacientes, é comum esperar mais de três horas pela consulta

O atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central de Santos é alvo de queixas. Segundo os pacientes, é comum esperar mais de três horas pela consulta. Outras reclamações envolvem a limpeza do prédio e infiltrações nas paredes.

No local, a Reportagem constatou as dificuldades. A professora Leonilda Muniz da Silva, de 53 anos, mora em Santos, vai com frequência à UPA e conta que, nesta segunda-feira (3), aguardou mais de cinco horas para ser atendida. “É um descaso. Cheguei às 10h30 e não era chamada. Fui reclamar e me mandaram para a triagem. Eles não avisam antes”.

Ao lado de Leonilda, uma senhora aguardava há nove horas pelo atendimento do filho – ela não quis dar entrevista, mas confirmou a demora, falando que chegou ao local às 6h. Já a vendedora Vanessa Aparecida Cesar Barbosa, de 28 anos, diz que sempre enfrenta problemas com o atendimento. Com dores no pé, ela fica angustiada quando precisa ir à UPA Central.

“Já fui embora sem atendimento em outra ocasião, após três horas sem ser chamada, e me disseram que a espera era de seis horas”.

Elas também se queixaram sobre as paredes sujas e com infiltrações, situação que pode agravar problemas de alguns pacientes.

Paredes sujas e com infiltrações deixam pacientes da UPA preocupados (Foto: Divulgação)

Resposta

Em nota, a Fundação do ABC, responsável pela UPA, ressalta que, às 16h de segunda-feira, não procediam “as informações de que pacientes esperariam por atendimento desde as 6h ou 10h”. “As equipes permaneceram completas e a espera por atendimento esteve dentro da normalidade”.

Sobre a estrutura do prédio, a Fundação diz ter começado a fazer orçamentos para um projeto de reforma. “A UPA foi inaugurada em janeiro de 2016 e nunca mais fechou, funcionando 24h por dia e sofrendo desgaste estrutural em função da quantidade de pessoas atendidas, apesar do trabalho de manutenção”.

Tudo sobre: