EDIÇÃO DIGITAL

Terça-feira

16 de Julho de 2019

Obra de clínica-escola para autistas será concluída no próximo mês, em Santos

Equipamento voltado para atendimento a autistas começará a funcionar no segundo semestre

A primeira Clínica-Escola do Autista do Estado de São Paulo terá suas obras concluídas no mês de maio. O serviço da Prefeitura de Santos ocupará parte do imóvel da antiga Escola Estadual Braz Cubas, no bairro Marapé.

Com a parte estrutural encaminhada para o final, o prédio será mobiliado e equipado pela Secretaria de Saúde com investimento de cerca de R$ 500 mil. A previsão é de que a instalação comece a funcionar a partir do segundo semestre, e atenda cerca de 100 pessoas inicialmente.

A obra tem valor total de R$ 1,6 milhão. Parte dos recursos foram arrecadados no Baile Oficial da Cidade de 2018, sendo o restante de contrapartida prevista em Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigadoras e/ou Compensatórias (TRIMMC).

A infraestrutura voltada para o atendimento de pessoas com autismo terá 12 salas de atendimento, duas de integração social, uma de intervenção precoce e dois espaços diferenciados: a sala de estimulação sensorial e a sala de atividades diárias, também chamada de casa autônoma modelo, com banheiro, cozinha, sala e quarto. Além de salas de reunião, administrativas e sanitários.

O prédio com térreo e um pavimento será acessível incluindo elevador, corredores e portas mais largos. No primeiro andar, onde fica a maior parte das salas, as paredes já foram pintadas em tons de azul claro.

O equipamento funcionará com cerca de 20 profissionais capacitados nas áreas de educação física, fonoaudiologia, fisioterapia, psicopedagogia, terapia ocupacional e de educação especializada, os quais estão sendo selecionados entre o quadro estatutário das secretarias de Saúde e Educação.