Mutirão identifica quase 4% de taxistas infectados com Covid-19 em Santos

Primeiro dia da testagem, nesta terça-feira (28), atendeu 285 profissionais, sendo 11 com resultado positivo. Exame segue nesta quarta (29) na Beneficência Portuguesa

Ao menos um em cada 25 taxistas de Santos tiveram resultado positivo para Covid-19. Esse foi o saldo do primeiro dia de aplicação de testes rápidos de identificação do novo coronavírus entre motoristas de táxis e auxiliares, realizado nesta terça-feira (28), na área externa do hospital Beneficência Portuguesa, na Vila Belmiro. 

A ação no sistema drive-thru prossegue nesta quarta (29), das 9h às 15h, numa iniciativa conjunta entre a Secretaria Municipal de Saúde, o hospital filantrópico e entidades de classe dos taxistas.  

No primeiro dia da ação, 285 taxistas foram submetidos ao exame. Deste total, foram 11 resultados positivos (3,8% do total), sendo os profissionais orientados para os primeiros procedimentos e medidas de isolamento social.  

O teste rápido consiste na coleta e análise de sangue após pequeno furo no dedo, o qual aponta se a pessoa teve contato com o vírus antes ou se está produzindo anticorpos para combater o vírus no seu organismo.  

A entrada para a testagem dos motoristas e auxiliares na Beneficência Portuguesa é feita somente de carro pela esquina da Rua Monsenhor de Paula Rodrigues com a Avenida Bernardino de Campos. Para o atendimento, os profissionais devem apresentar a credencial da CET-Santos, além de informar os dados pessoais e telefone de contato para o recebimento do resultado. 

Tudo sobre: