EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

22 de Julho de 2019

Mutirão encontra 18 focos do Aedes aegypti no Morro São Bento, em Santos

Intensificação foi realizada após a confirmação de dois casos de dengue na região

Um mutirão contra o Aedes aegypti no Morro São Bento, em Santos, eliminou 18 focos com larvas do mosquito na última quarta-feira (10). A oitava edição da iniciativa teve como objetivo evitar a proliferação do agente transmissor da dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

A operação vistoriou 294 imóveis e contou com 26 agentes de combate a endemias e 11 agentes comunitários de saúde. Durante as visitas, os profissionais orientam a população sobre como evitar água parada, uma das situações que contribuem para a multiplicação do inseto.

A intensificação da fiscalização no morro foi realizada devido a dois casos confirmados de dengue no bairro, além da localização de focos com larvas nas vistorias de rotina. Em 2019, a cidade registrou 24 casos de dengue, um de zika e um de chikungunya. Casos de febre amarela não foram registrados desde 1998.