EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

12 de Julho de 2020

Morre, aos 94 anos, o empresário Luiz Carlos Pereira de Almeida

Engenheiro é cofundador da Sobloco SA, responsável pelo projeto da Riviera de São Lourenço, em Bertioga

Morreu nesta quarta-feira (6), aos 94 anos, o engenheiro Luiz Carlos Pereira de Almeida, cofundador da Construtora Sobloco SA, empresa que este ano completa 63 anos, e que tem entre seus projetos a Riviera de São Lourenço, em Bertioga. O sepultamento ocorrerá na manhã desta quinta-feira (7), no Cemitério do Morumbi, na Capital, mas não haverá cerimônia em decorrência das medidas restritivas decorrentes da Covid-19.

Engenheiro formado pela Poli/USP, era também conselheiro nato do Secovi-SP e foi presidente da Fiabci-Brasil (Federação Internacional Imobiliária).

Em parceria com o também engenheiro e amigo de infância Mario Najm, Luiz Carlos fundou a Sobloco Construtora S/A em 1958, empresa que se destaca no campo do desenvolvimento urbano em projetos espalhados em todo o Estado.

Uma das características do engenheiro, e que sempre imprimiu nos projetos da Sobloco, foi o planejamento urbano. Entre esses projetos, destaque para  Caminhos de San Conrado (Campinas), Projeto Nova Petrópolis (São Bernardo do Campo), a Riviera de São Lourenço (Bertioga), o Parque Faber-Castell (São Carlos), Guarujá Central Park (Guarujá),  e o mais recente, Espaço Cerâmica (São Caetano do Sul).

Na última entrevista concedida a A Tribuna, em 2017, Luiz Carlos falou de sua trajetória e do prazer em ver realizados os projetos da forma como foram planejados.

Falou também sobre ser empreendedor em um país com instabilidades econômicas constantes: “Meu conselho é insistir, ter paciência, mas tendo a certeza de que a mudança virá e as coisas vão melhorar. Foi assim nesses 60 anos. Apesar de tantas instabilidades durante esse tempo, eu começaria tudo de novo”.

Luiz Carlos Pereira de Almeida era casado com Vera, e deixa sete filhos e 12 netos.

Tudo sobre: