Mocidade Amazonense homenageia natureza de Guarujá e surf em desfile

Escola guarujaense teve ala em homenagem ao surf, esporte símbolo da cidade, e desfilou com as cores verde e branco

Por: Verônica Sampaio & De A Tribuna On-line &  -  24/02/19  -  03:25
Amazonense homenageou flora e fauna de Guarujá, cidade da escola de samba
Amazonense homenageou flora e fauna de Guarujá, cidade da escola de samba   Foto: Vanessa C. Rodrigues/AT

Terceira escola a se apresentar no Carnaval de Santos 2019, a Amazonense trouxe para a Avenida o enredo “Guarujá - Guaru-ya, Viagem a Ilha do Sol… A verdadeira pérola do Atlântico” homenageando sua cidade de origem, Guarujá, sendo a única escola do município a se apresentar. A Amazonense contou com uma intérprete de Libras, que traduziu o enredo.


Apesar de estar a postos desde o início da contagem do cronômetro, a Mocidade Amazonense atrasou 8 minutos. A escola desfilou de verde e branco, contou com 17 alas, 1200 componentes e tomou a Avenida durante 52 minutos. Os carros alegóricos homenagearam a natureza presente na cidade de Guarujá. A escola também homenageou os surfistas com a presença de Rodrigo Koxa, surfista de ondas gigantes que é de Guarujá.


Surfista de ondas gigantes, o guarujaense Rodrigo Koxa desfilou na ala dos surfistas da Amazonense
Surfista de ondas gigantes, o guarujaense Rodrigo Koxa desfilou na ala dos surfistas da Amazonense   Foto: Vanessa C. Rodrigues/AT

Mayara Rosa, de 19 anos, foi o destaque da ala dos tupinambás da Amazonense. Ela conta que achou o desfile lindo. “Graças a Deus, com toda a correria do carnaval conseguimos fazer um desfile que superou as expectativas”, disse. Ela, que desfila desde 2015, conta que o amor pela escola é inexplicável. “Aqui a gente faz tudo com amor mesmo. Pretendo desfilar ano que vem, e espero que sejamos campeões”, emocionou-se. Mayara diz que o carnaval é uma festa linda: “Mesmo com todas as críticas, com todo trabalho, é uma festa maravilhosa”.


Logo A Tribuna