Jovem que teve moto furtada 5 dias após comprá-la ganha uma nova em Santos: 'Nem consigo acreditar'

Marcello da Silva Campos, de 18 anos, ainda não consegue acreditar no presente de Natal que recebeu

Por: Daniel Gois  -  19/12/20  -  10:08
Sensibilizado com a história, Banco PAN presenteou Marcello com uma moto nova
Sensibilizado com a história, Banco PAN presenteou Marcello com uma moto nova   Foto: Daniel Santos/Divulgação/Banco PAN

Marcello da Silva Campos, de 18 anos, guardou mais de um ano de trabalho para realizar um sonho: comprar uma moto. Cinco dias após tirá-la da loja, o estudante teve o bem furtado na frente de casa, em Santos, no bairro Caneleira. O pesadelo do jovem se transformou em um presente de Natal que ele não consegue acreditar: outra moto novinha, e de quebra, com um ano de seguro. 


Clique e Assine A Tribuna por R$ 1,90 e ganhe acesso ao Portal, GloboPlay grátis e descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Sensibilizado com a história, o superintendente executivo de veículos do Banco PAN, Wilson Diniz, decidiu presentear Marcello com uma moto nova. Ele afirma que o fato comoveu a todos dentro da organização. 


“Fiquei imaginando como foi a sensação dele na hora de realizar esse grande sonho, que foi planejado e estruturado. Ele colocou todas as economias naquele sonho e não teve tempo hábil de curtir. Nada mais justo que presenteá-lo com uma motocicleta para que ele possa continuar a jornada e não desistir dos sonhos”, conta Diniz em entrevista para ATribuna.com.br


O executivo destaca o empenho e o planejamento do jovem de Santos para realizar a compra. Marcello Campos trabalha como técnico de informática em São Vicente e passou mais de um ano juntando economias para comprar a moto, que seria usada para facilitar o deslocamento ao trabalho e aos estudos. 


“O Marcello deu uma aula de educação financeira. Ele começou a poupar com menos de 17 anos e aprendeu a lidar, nesse período, com a ansiedade de buscar essa moto. Teve paciência, controlou a ansiedade, deve ter feito mil planos. O Brasil precisa de jovens como ele. Não podemos deixar um sonho desse pelo caminho. Ele merece”, enfatiza. 


Cinco dias após a compra, Marcello Campos teve a moto furtada na frente de casa, durante a madrugada. Assustado, ele soube do crime quando acordou para ir trabalhar. A angústia que só crescia deu lugar a novos planos para o ano de 2021. 


“Ainda nem consigo acreditar. Esse presente vai ser uma ajuda enorme. Provavelmente usar como segundo meio de renda para 2021. Ainda estou desacreditado, mas muito grato”, festeja Marcello.


Marcello (ao centro) e Wilson (à direita), após a entrega da motocicleta
Marcello (ao centro) e Wilson (à direita), após a entrega da motocicleta   Foto: ao centro

Logo A Tribuna