Festival Internacional de Folclore terá edição virtual

Neste ano, o festival terá como tema O Folclore nos Une e a Terra Toca e Dança pela Paz

Pela primeira vez, será feito de maneira virtual o Festival Internacional de Folclore, promovido há 28 anos pela Associação Brasileira dos Organizadores de Festivais de Folclore e Artes Populares (ABrasOFFA), instituição sediada em Santos.

A pandemia de coronavírus fará com que representantes de 18 países se reúnam e exponham cultura popular de forma virtual, nos próximos sábado e domingo – 22, a propósito, é Dia do Folclore.

Neste ano, o festival terá como tema O Folclore nos Une e a Terra Toca e Dança pela Paz. Entre as nações participantes, além do Brasil, estão países africanos (Gana, África do Sul), asiáticos (Coreia do Sul), europeus (como Espanha, Grécia e República Tcheca) e latino-americanos (Colômbia, México, Venezuela).

As apresentações serão exibidas pelas mídias sociais da organização em Twitter, Instagram, LinkedIn, Facebook e YouTube, em horários diferenciados por causa do fuso. Os interessados podem acessar o site da AbrasOFFA.

“O festival tem como objetivo resgatar, preservar e agregar a cultura folclórica e temos feito isso. Estamos presentes em intercâmbios com mais de 100 países”, diz a presidente da ABrasOFFA, Helena Lourenço.

No encontro virtual, haverá atividades paralelas, como o plantio de árvores ao vivo, em uma homenagem ao planeta; um “varal da paz”, no qual serão expostos desenhos e cartas de crianças com mensagens positivas para a Terra; e o lançamento de um selo comemorativo pelos Correios, no sábado, em alusão ao festival e aos 50 anos do Dia da Terra.

Tudo sobre: