EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

12 de Agosto de 2020

Corredor Gastronômico de Santos fica pronto até o final de junho

Obras na Rua Tolentino Filgueiras, no Gonzaga, estão na fase final

Ao caminhar pelas três quadras que compõe a Rua Tolentino Filgueiras, o pedestre já percebe diferenças no local. Prevista para terminar em julho, a obra de implantação do corredor gastronômico que vai revitalizar o local está na reta final.

Toda a extensão das calçadas já está pronta dentro do novo padrão que vai dar uma identidade visual única para a via que vai do Canal 3 à Avenida Ana Costa e reúne vários restaurantes. Agora, boa parte do passeio por onde as pessoas circulam é feito de concreto, mas na área mais próxima ao leito carroçável, ele ganha um desenho feito de mosaico português branco e vermelho.

A rua também ganhou asfalto novo e terá outra novidade para os motoristas: o cruzamento com a Rua José Caballeiro tem uma lombada elevada feita de piso intertravado de concreto vermelho. “Além de combinar com o mobiliário, que vai puxar para essa cor mais quente que combina com a nova identidade da rua, o vermelho contrasta com o asfalto, o que dá também mais segurança”, explica o arquiteto da Prefeitura, Glaucus Farinello.

Na manhã desta terça-feira (16), as equipes trabalhavam neste ponto, fazendo a readequação da rampa de acesso da calçada.

A obra, com valor estimado de R$ 2 milhões vindos de um Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigadoras ou Compensatórias (Trimmc), em função de um novo terminal portuário na Ilha Barnabé, começou no início de março e a previsão da Prefeitura é de que ela seja entregue até o final deste mês. “O mobiliário já era para ter chegado, mas por conta da pandemia, deve ser entregue só na próxima semana”, explica Farinello. Bancos, lixeiras e iluminação devem seguir o novo design da Tolentino.  

Na expectativa  

Os comerciantes da rua acompanham a obra e aguardam o momento de abrir as portas ao público com a cara nova do corredor gastronômico.  

“Gostei bastante de como está sendo a revitalização. Vimos o projeto inicial e vai ficar bem bacana. Espero que nossos clientes gostem da nova iluminação, dos bancos, as calçadas padrão com rampas nas esquinas”, avalia Bruno Souto, um dos sócios do restaurante Naus, que torce que a liberação para abertura dos restaurantes aconteça logo para que possam testar o novo design da via.  

“Se a quarentena foi ruim de um modo geral, por um lado, para a obra, ajudou tudo a fluir. Terminaram mais rápido do que o previsto e ainda não tivemos a incomodidade que teríamos caso os comércios estivessem abertos”, avalia a presidente da comissão de comerciantes da Tolentino, Vivian Brum Cantarelli.

Tudo sobre: