Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Clube é multado em R$ 20 mil por aglomeração em festa de 'debutante' em Santos

Evento ocorreu no último sábado (9), no Clube de Regatas Saldanha da Gama. Celebração descumpriu normas sanitárias

Por: Por ATribuna.com.br  -  12/01/21  -  09:44
Caso foi divulgado em um perfil nas redes sociais que denuncia festas na pandemia
Caso foi divulgado em um perfil nas redes sociais que denuncia festas na pandemia   Foto: Reprodução/Instagram

O Clube de Regatas Saldanha da Gama foi multado em R$ 20 mil pela Prefeitura de Santos por não cumprir as regras de combate à covid-19. O local foi responsabilizado pelapela realização de um baile de debutante na noite de sábado (9), em salão de festas com centenas de pessoas.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


O evento chamou a atenção nas redes sociais durante o fim de semana. Indignados, internautas marcaram o prefeito Rogério Santos (PSDB) em uma publicação de uma página e o chefe do Executivo municipal respondeu. Até artistas da TV Globo, como Bruno Gagliasso, criticaram a situação.


A própria administração municipal destacou que a autuação foi possível graças a denúncias com fotos e vídeos publicados nas redes sociais e na imprensa local. Além da aglomeração de convidados, – eventos para público em pé ainda não estão permitidos –, as imagens mostram descaso quanto ao uso obrigatório de máscara facial neste tipo de ambiente, contrariando o Decreto Municipal nº 9.062/2020.


“No início da noite, os agentes foram à administração do clube e entregaram, além da multa, um termo de intimação para ciência de que devem ser cumpridos os protocolos em vigor, de acordo com as regras do Plano São Paulo de retomada econômica”, explicoua chefe da Seção de Vigilância Sanitária, Luciane Valente.


Em caso de reincidência, a multa dobra de valor e o clube pode ser interditado pela Prefeitura.


Nesta segunda-feira (11), o Clube de Regatas Saldanha da Gama se posicionou com uma nota enviada à Redação. Leia na íntegra:


O Clube de Regatas Saldanha da Gama, diante do ocorrido no último dia 9/1/2021 nas dependências de sua sede social, informa que os atos decorreram de atitudes de terceiros, cessionários de espaço para a realização de evento privado, sem que fossem, por parte dos cessionários, observados os termos do contrato de cessão de espaço e tampouco a legislação vigente.


O secular Clube lamenta o ocorrido, consignando que tais atitudes não representam o cotidiano da Entidade, a qual tomou a atitude de acionar a polícia militar para encerrar a festa e tomará todas as providências contra os reponsáveis pelos dissabores e ocorrência.


Logo A Tribuna