Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Campanha em ciclovia de Santos inicia com 265 ciclistas abordados

Ação aconteceu na orla da praia, com agentes da CET-Santos e apoio da Polícia Militar e Guarda Municipal

Por: Por ATribuna.com.br  -  17/02/21  -  14:00
Mais de 250 condutores de bikes foram abordados em duas horas de ação
Mais de 250 condutores de bikes foram abordados em duas horas de ação   Foto: Isabela Carrari/PMS

“Senhor, pela ciclovia. Senhora, por favor, pela ciclovia”. Frases de orientação como essas foram repetidas inúmeras vezes por agentes e educadores de trânsito, no primeiro dia da campanha para ciclistas, iniciada na manhã desta terça-feira (16), pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos). No local onde foi iniciada, na pista da orla exclusiva para bicicletas, altura do canal 1, 265 condutores de bikes foram abordados em duas horas de ação.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


No primeiro dia, não houve nenhuma apreensão, mas a campanha segue até a próxima semana em outros pontos da mesma ciclovia. A maioria das abordagens foi para indicação do trajeto correto que deve ser feito pelo ciclista ao deixar a pista da orla para transpor a Av. Presidente Wilson em direção à Av. Pinheiro Machado, ponto com sinalização semafórica para bicicletas. Isso para continuar seu percurso, de forma segura, pela ciclovia que margeia o canal 1.


“A gente faz a abordagem para direcionar por onde devem trafegar e eles têm entendido e respeitado”, comentou ao operador de tráfego Ademir Alvarez, acrescentando que algumas pessoas se dirigiram aos agentes para falar sobre a importância e a necessidade da iniciativa.


“Precisa mesmo. As pessoas têm que entender que ciclovia não é pista de corrida, observou Alex Veloso. Morador da Zona Noroeste, ele revelou que faz grande parte dos seus deslocamentos diários em bicicleta e procura trajetos por onde há pista exclusiva para ciclistas. “É uma questão de segurança nossa. É preciso utilizar e de forma correta”.


Diariamente, Priscila Cristina deixa sua casa no Japuí, em São Vicente, para trabalhar em Santos. Utiliza ciclovia na sua cidade e também na área santista, indo pela orla até o canal 1 e seguindo por esse até seu destino. “Infelizmente, já presenciei muitos acidentes. Há ciclistas que não obedecem a sinalização, não têm paciência para esperar um sinal abrir ou estão em muita velocidade. É preciso mudar esse comportamento”.


Redução nas mortes


O objetivo das ações voltadas aos ciclistas, de acordo com a prefeitura, é tornar o trânsito mais seguro. No ano passado, Santos registrou redução de mortes de condutores de bikes com quatro óbitos, contra oito ao longo de 2019. O mesmo ocorreu em relação aos acidentes com bicicletas, que foi de 152 para 89.


Com a campanha, a CET pretende disciplinar o trânsito pelas ciclovias e também conscientizar os ciclistas sobre as normas para condução segura do veículo. Está prevista a apreensão da bike, caso o condutor não atenda à orientação recebida e insista no comportamento inseguro.


Se tiver a bicicleta recolhida, o condutor precisará passar por reciclagem gratuita oferecida pela própria companhia que, neste período de pandemia, funciona de forma on-line. Na atividade, recebe informações sobre normas de trânsito para a circulação em bicicleta, além de noções de cidadania.


Caso não queira fazer a reciclagem, o condutor terá que pagar a taxa de apreensão, no valor de R$ 47,80, para reaver o veículo. Mais informações pelo Serviço de Atendimento ao Cidadão, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30, pelo telefone 3228-9300. A campanha conta com o apoio da Polícia Militar e da Guarda Municipal.


Logo A Tribuna