Jovem de Praia Grande está sumido há uma semana, e família pede ajuda para encontrá-lo

Luís Felipe morava no Paraná e voltou para cuidar dos pais doentes no Litoral de São Paulo

Por: ATribuna.com.br  -  03/04/24  -  06:38
Atualizado em 05/04/24 - 18:14
Jovem tinha começado a estudar na Faculdade de Tecnologia (Fatec) de Praia Grande
Jovem tinha começado a estudar na Faculdade de Tecnologia (Fatec) de Praia Grande   Foto: Reprodução/Redes sociais

Luís Felipe, de 20 anos, saiu de casa na última quarta-feira (27) e nunca mais voltou. Segundo familiares, o jovem, de Praia Grande, disse que ia à aula na Faculdade de Tecnologia (Fatec) do município, onde cursa Análise e Desenvolvimento de Software (ADS), mas deixou as senhas bancárias, o celular e uma carta de despedida.


Clique aqui para seguir agora o novo canal de A Tribuna no WhatsApp!


De acordo com a irmã, Viviane Ferreira Menezes, ele estava morando e estudando no Paraná até dezembro do ano passado, quando retornou a Praia Grande para cuidar do pai, que faleceu em 19 de fevereiro, vítima de problemas cardíacos e Covid-19.


Nas redes sociais, parentes pedem ajuda para encontrá-lo. Entre eles, a prima Paula Calderoni. "Ele é um menino maravilhoso, que não é de festa, e não usa nenhum tipo de droga. É estudioso e esforçado. É provável que esteja entre Praia Grande e Itanhaém, ou até mesmo Peruíbe."


A também prima, Francielle Gonçalez, de 29 anos, comentou o pior dos cenários, que seria um possível atentado contra a própria vida: "Não faz sentido vindo dele. Mas sabemos que não o fez ainda e acreditamos que nem fará." Ela ainda diz que recebeu mensagens de pessoas dizendo o terem visto pela região na última segunda-feira (1).


Francielle também explicou à reportagem de A Tribuna sobrea união dos primos no uso das redes sociais para tentar ajudar. "Nossa família é muito grande. Ele era filho de um dos cinco patriarcas, que veio a falecer, e estava cuidando da mãe de 59 anos, também doente, nas últimas semanas."


Notícias do paradeiro ou informações sobre Luís Felipe, a família pede para entrar em contato pelos telefones (11) 96996 1075 e (11) 98233 0502.


Logo A Tribuna
Newsletter