EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

13 de Agosto de 2020

Travessia Bertioga/Guarujá conta com lancha exclusiva para pedestres e ciclistas

Primeira embarcação desse tipo no trecho foi entregue na manhã desta segunda-feira (18) e terá capacidade para 190 passageiros

O sistema de travessia entre Bertioga e Guarujá conta, desde a manhã desta segunda-feira (18), com uma embarcação exclusiva para pedestres e ciclistas. Trata-se do primeiro modelo desse formato no trecho. Com capacidade para 190 usuários, a lancha irá reforçar o serviço na região.  

A entrega da unidade ocorreu em cerimônia realizada em ambiente virtual, com a presença remota do secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto. Durante o Carnaval, a trecho contou com esse serviço, que agora passa a ser diário.   

“Fizemos o teste durante o Carnaval e a avaliação foi positiva. Com a nova embarcação o serviço será otimizado e a segurança dos passageiros reforçada. A lancha exclusiva para pedestres permite ainda aumentar a capacidade da balsa de carros, reduzindo o tempo de espera”, informa Machado Neto. 

Segundo a Dersa, a travessia Bertioga/Guarujá recebe cerca de 1.860 pedestres e ciclistas, 850 automóveis e 150 motos por dia. Com a novidade, as balsas de veículos terão mais espaço e redução de tempo de espera. “É um ganho para a população das duas cidades, são quase duas mil pessoas beneficiadas”, afirma o prefeito de Bertioga, Caio Matheus (PSDB).  

A lancha passou recentemente pelo Novo Programa de Reformas e Manutenções, que vem promovendo a renovação da frota de balsas e lanchas da Dersa. “A entrega da lancha Itapema amplia a capacidade operacional do sistema, proporcionando mais conforto e segurança para os usuários da travessia Bertioga/Guarujá”, explica João Luiz Lopes, diretor-presidente da DERSA.  

Todas as embarcações cumprem um cronograma de manutenção preventiva e se encontram em perfeitas condições de funcionamento, aprovadas e certificadas para operar. As balsas são gratuitas para ciclistas. Idosos e pessoas com deficiência têm embarque prioritário.  

Coronavírus 

Em decorrência da pandemia do novo coronavírus e das ações tomadas para evitar aglomerações de pessoas e impedir a proliferação da doença, a DERSA limitou passageiros e cliclistas em travessias de lanchas. “Os bancos estão demarcados, com distância entre eles, para as regras de distanciamento”, diz Caio Matheus. 

Em razão disso, a lancha Itapema irá operar inicialmente com 92 lugares até o fim das restrições da Covid-19. A Dersa tamtém afirma que houve o reforço a limpeza e a higienização das lanchas, que estão sendo feitas a cada viagem. A principal recomendação é higienizar as mãos.  

Tudo sobre: