Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Pais de alunos recebem orientação para o retorno presencial em Guarujá

Reuniões são realizadas desde janeiro e visam alertar para os cuidados e adaptações adotados nas escolas da rede municipal

Por: Por ATribuna.com.br  -  31/01/21  -  16:35
Nas reuniões são explicados os cuidados na retomada das aulas e adaptações feitas nas escolas
Nas reuniões são explicados os cuidados na retomada das aulas e adaptações feitas nas escolas   Foto: Hélder Lima/PMG

A Secretaria de Educação (Seduc) de Guarujá tem realizado, desde janeiro, reuniões com pais e responsáveis pelos alunos matriculados nas unidades de Ensino Infantil e Fundamental I e II. A volta das aulas presenciais na rede municipal de ensino está marcada para o dia 22 de fevereiro. As creches municipais e conveniadas já retomaram o ensino presencial no último dia 11.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Na visita, os pais verificam as adaptações e a organização da unidade para receber os alunos. De acordo com o secretário de Educação, Marcelo Nicolau, a iniciativa é importante para que os pais saibam dos cuidados tomados. “Tudo é feito com muito planejamento. Estamos preparando uma retomada segura não só aos alunos, mas também para os profissionais que atuam nas nossas unidades”.


Ele lembra, inclusive, que todas as escolas receberam as adaptações necessárias de enfrentamento à Covid-19. São placas informativas, dispensers de álcool gel, adesivos de distanciamento, disposição das mesas e cadeiras, entre outros itens.


Pais aprovam


A Escola Municipal Augusto Antunes Correa (Rua Romualdo dos Santos Inácio, 145, no Jardim Boa Esperança), em Vicente de Carvalho, já está devidamente equipada com os protocolos de biossegurança. Alguns itens, inclusive, estão afixados de maneira bem lúdica para que os alunos se sintam mais acolhidos nesta retomada. Na última semana, uma equipe da prefeitura de Bertioga esteve nessa e em outra unidade de Guarujá conhecendo os protocolos.


Para Rosileine Viana de Almeida, mãe do aluno Yuri Rian, 5 anos, conta que só após a reunião se sentiu segura em permitir que o seu filho retorne à unidade. “Importante essa conversa, pois esclarece tudo. Se não tivesse essa reunião, com certeza muitos pais não mandariam seus filhos, e eu era uma delas. Mas agora vou mandar o meu (filho) com mais tranquilidade”, comentou.


Outra mãe, a Carla de Lima Coutinho, tem dois filhos, mas apenas o pequeno Théo, de 4 anos, estuda na EM Antunes. “Acho que o retorno (presencial) vai dar certo e agora me sinto mais segura. Para as crianças será muito bom. Afinal, eles ficaram em casa todo o ano passado, sem contato com ninguém. Estou confiante”.


Atualmente, a EM Antunes conta, segundo a prefeitura, com 457 crianças matriculadas entre infantil IV e V. A retomada presencial se dará uma vez por semana, com 25% dos alunos por turma, em revezamento. Nos demais dias, farão uso do Ensino Remoto, seja através da plataforma on-line ou da retirada do material impresso.


A pandemia serviu também como lição de superação para os profissionais da Educação, como conta a orientadora pedagógica da Escola, Sônia Alencar de Caldas Lopes. “Nunca tinha feito reunião on-line e de repente me vi fazendo isso em 2020. Com a Cartilha de Biossegurança nos sentimos mais seguros para essa retomada”.


Logo A Tribuna