Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Guarujá inicia vacinação dos idosos entre 80 e 84 anos nesta terça-feira

A fila para tomar a primeira dose do medicamento começou antes das 8 horas, horário marcado para o início da campanha

Por: Rosana Rife  -  23/02/21  -  12:28
Atualizado em 23/02/21 - 12:47
Filas em Unidades de Saúde na cidade foi elevada
Filas em Unidades de Saúde na cidade foi elevada   Foto: Carlos Nogueira/AT

A procura pela vacina contra a covid-19 tirou idosos com idade entre 80 e 84 anos cedo de casa, nesta terça-feira (23) em Guarujá. A fila para tomar a primeira dose do medicamento começou antes das 8 horas, horário marcado para o início da campanha, no posto montado na Coordenadoria da Guarda Civil Municipal (GCM), em Vicente de Carvalho.


O Município é o primeiro da Baixada Santista a antecipar, em uma semana, a vacinação para esse público. Pelo calendário oficial do Governo do Estado, a imunização só ocorrerá em 1 de março.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Guarujá conta com 3.800 doses para atender essa faixa etária. Pela estimativa do Município, são esperadas 1.639 pessoas. A vacinação ocorre também na Unidade de Saúde da Família (Usafa) Jardim dos Pássaros.


Mas para o aposentado Armando Simões,80 anos, a ideia de colocar mais um local para vacinação na Cidade ajudou muito quem mora em Vicente de Carvalho. Ele conta que levaria, pelo menos, meia hora, dependendo do trânsito, para chegar no Jardim dos Pássaros.


"Moro na Vila Áurea. Aqui não gastei nem 15 minutos. Tomei a vacina e estou bem tranquilo".


Drive


O posto de Vicente de Carvalho também atende em sistema de drive thru. A fila dobrava o quarteirão por volta das 9h15. O atendimento, previsto para começar às 9h, teve início mais cedo por conta do movimento.


Israel Guerra Almeida, 82 anos, a mulher dele, Helena Oliveira, 80 anos, e a irmã dele, Raquel Guerra Silva, 83 anos, vieram juntos para serem imunizados. A família estava na expectativa para receber a primeira dose da Coronavac,após quase um ano de pandemia. "Moro em cima do mercado. Só desço para fazer compras. Não via a hora de tomar essa vacina. Ainda vamos ter de manter os cuidados. Mas dá um grande alívio", diz Raquel.


O atendimento na GCM, que fica na Rua Cunhambebe, 500, ocorrerá até sexta-feira, das 8h às 16h. No drive, o horário de atendimento é das 9h às 15h.


Já na Usafa Jardim dos Pássaros(Rua Rouxinol, 25), o atendimento é das 8h às 17h e no drive, das 9h às 15h.


Logo A Tribuna