Guarujá terá novos leitos de UTI para atendimento exclusivo a pacientes Covid-19

Serão 10 acomodações no Hospital Santo Amaro para receber pacientes encaminhados pela rede municipal de Saúde; intuito é manter em alta a capacidade de assistência hospitalar

Guarujá terá mais dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes da Covid-19. As novas acomodações serão instaladas no Hospital Santo Amaro (HSA). A maior oferta tem como objetivo assegurar que a rede municipal siga com alta capacidade para atender um possível aumento no número de casos e internações em decorrência da doença.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal, GloboPlay grátis e descontos em dezenas de lojas, restaurantes e serviços!

Isso porque já se observa um crescimento na média de atendimento diária nos complexos de triagem montados nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Dr. Matheus Santamaria – conhecida como PAM da Rodoviária – e de Vicente de Carvalho.

Uma das alternativas cogitadas pela Prefeitura para o custeio dos novos leitos é solicitar ao Fundo de Desenvolvimento Metropolitano da Baixada Santista (Fundo), órgão da Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem), de forma excepcional, a mudança de destinação de uma verba de R$ 2 milhões, inicialmente com fins de obras estruturantes, para garantir a operacionalização das novas acomodações por pelo menos 90 dias.

“Desde o início da pandemia, Guarujá procurou se antecipar aos cenários de saturação da rede de Saúde, e é o que estamos fazendo mais uma vez”, destaca o prefeito Válter Suman (PSB).

Para Suman, a decisão de transpor verba de obras para a Saúde, neste momento, é amplamente justificável: “A dinâmica da pandemia indica que todos os Municípios da Baixada Santista seguem a tendência nacional de um novo pico de casos. Por isso, precisamos nos precaver e definir prioridades, que são as vidas da nossa população”, complementa.

Tudo sobre: