EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

6 de Agosto de 2020

Guarujá recebe da União cessão do Forte do Itapema, em Vicente de Carvalho

Documento permite ao município o uso do patrimônio por 20 anos; prefeitura poderá realizar obras de restauro no local

Parte da história da Baixada Santista, a edificação que abriga o Forte de Vera Cruz do Itapema (Forte do Itapema), em Vicente de Carvalho, foi cedida pela União ao Guarujá. O documento permite ao município fazer a reforma da unidade, datada do século 16, e erguida pela Coroa Portuguesa para fazer a proteção do Porto de Santos. 

O ato ocorreu a última quarta-feira (3), em cerimônia realizada no Paço Municipal Moacir dos Santos Filho. A cessão de uso gratuito foi firmada com a Secretaria do Patrimônio da União (SPU), representada na ocasião por Luiz Fernando de Melo, chefe do Escritório Descentralizado (Edesc) da SPU-Santos. Ele foi recepcionado pelo prefeito Válter Suman e pelo secretário de Cultura, Marcelo Nicolau.  

Com sua construção remanescente do século 16, e tombado pelo estado de São Paulo em 1982, o Forte do Itapema agora será restaurado. Com o documento, que permite ao município o uso do patrimônio por 20 anos, a Prefeitura de Guarujá poderá agora realizar obras de restauro no local, transformando suas instalações em um espaço cultural, como um museu, por exemplo, para visitação pública. 

Suman avalia que o valor histórico dessa fortificação é imensurável e representa  uma “grande vitória para a cidade”, que abrirá espaço para uma extensa revitalização cultural e social.   

Já o secretário de Cultura afirma que o momento é um marco para sociedade, por isso haverá ações de zeladoria para que no futuro o Forte Itapema seja referência na Baixada Santista e possa abrir para visitação, dando suporte às mais diversas condutas públicas de apoio à cultura e valorização da história de Guarujá. 

Tudo sobre: