Comunitas encerra Jornada de Formação para novos prefeitos

Ex-administrador de Santos, Paulo Alexandre Barbosa faz parte do projeto

Por: Redação  -  21/05/21  -  18:25
  Encontro virtual ocorreu na noite de quinta-feira
Encontro virtual ocorreu na noite de quinta-feira   Foto: AT

O ex-prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), foi o moderador, na noite desta quinta (20), do encontro de encerramento da Jornada de Formação para novos prefeitos da organização Comunitas. O evento, por videoconferência, reuniu prefeitos de todo o Brasil que participaram da formação e falaram sobre suas experiências positivas.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


A iniciativa apoiou, ao longo dos últimos meses, novas lideranças públicas no desenvolvimento de plano de governos, na transição governamental, nos 100 primeiros dias e na construção dos planos de metas. Isso foi feito por meio de conteúdos teóricos, mentorias e imersões técnicas com especialistas em diversas áreas que permeiam a gestão pública. Desde o início do ano, Barbosa é um dos mentores da Comunitas.


“Esse é um projeto, mas o trabalho continua. Agora vamos ter a outra fase, que é o projeto Juntos. A Comunitas apoia os municípios para implantação de projetos, com contratação de consultorias para a execução. Como já apoiou a cidade de Santos”, diz Barbosa.


O prefeito de São Vicente, Kayo Amado (Podemos), foi um dos participantes do encontro desta quinta. “Foi importante demais fazer parte da rede Comunitas. Tivemos secretários nesse início de mandato pensando fora da caixinha, porque muitas vezes a máquina tem tendência em nos engolir”.


O que é


A Comunitas é uma organização da sociedade civil especializada em modelar e implementar parcerias sustentáveis entre os setores público e privado, visando maior impacto do investimento social com foco em melhoria dos serviços públicos e, consequentemente, na vida da população. Os projetos são gratuitos para os municípios e gestores, com apoio de empresas, como o Grupo Globo.


Logo A Tribuna