Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Compositor Jorge Sargento morre aos 69 anos

Jorge Luiz Santana era referência no samba da Baixada Santista

Por: Por ATribuna.com.br  -  08/03/21  -  17:04
Jorge Luiz Santana, conhecido como Jorge Sargento, foi uma figura importante no cenário do samba
Jorge Luiz Santana, conhecido como Jorge Sargento, foi uma figura importante no cenário do samba   Foto: Divulgação

Morreu neste domingo (8) em São Vicente, o sambista Jorge Luiz Santana, conhecido como Jorge Sargento.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Nascido no Rio de Janeiro, Sargento veio para a região trabalhar na Base Aérea de Santos, adotando a região como segundo lar. 


O compositor, teve seu primeiro samba, "Bastou dizer adeus", gravado por Dominguinhos do Estácio. Além disso, a obra foi eternizada por outros artistas, como Marquinho Satã, Renato da Rocinha, Grupo Da Melhor Qualidade, Chapinha da Comunidade do Samba da Vela-SP, dentre outros. 


Jorge Sargento também participou de projetos musicais importantes da região, como o  Baixada Sambista.


Para os músicos da região, o compositor fará falta, mas será lembrado com muito carinho por toda comunidade.


"Jorge era um cara querido por todos nós, muito respeitado, muito admirado por onde passava. Deixou-nos um legado importantíssimo, uma obra que vamos guardar com todo o carinho e preservá-la através do nosso samba, que continua, apesar dessa perda tão grande pra nós. Estamos muito tristes por sua partida tão repentina" , lamenta Alexandre Cortez, violonista da Roda de Samba Da Melhor Qualidade.


Logo A Tribuna