Cabeças d'água em três cachoeiras da Baixada Santista deixam cinco desaparecidos; VÍDEO

Segundo a Defesa Civil do Estado, as buscas pelas vítimas seguem nesta segunda-feira (22)

Por: Por ATribuna.com.br  -  22/02/21  -  13:29
Atualizado em 22/02/21 - 14:09
Em Praia Grande, o fenômeno aconteceu na cachoeira do Guariúma
Em Praia Grande, o fenômeno aconteceu na cachoeira do Guariúma   Foto: Arquivo Pessoal/Itaicy Julio

Cinco pessoas desapareceram na Baixada Santista neste domingo (21), em decorrência do fenômeno cconhecido como 'cabeça d'água' ocorrido em cachoeiras de três cidades diferentes da região. Além do caso em Cubatão, conforme noticiado por ATribuna.com.br, outras ocorrências foram registradas nas cidades de Praia Grande e Bertioga.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Em Praia Grande, o fenômeno aconteceu na cachoeira do Guariúma, no Melvi. Um homem que estava no local foi surpreendido e desapareceu. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a vítima não conseguiu sair da água e acabou sendo arrastada.



De acordo com a prefeitura, equipes do Setor Ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM) e da Defesa Civil do município estão prestando apoio aos Bombeiros nas buscas, que foram retomadas nesta segunda-feira (22).


Já na cidade de Bertioga, duas pessoas sumiram após uma cabeça d'água na cachoeira Véu da Noiva, localizada próxima a Rodovia Mogi Bertioga. As buscas nas duas cidades ocorrem desde o domingo.


O fenômeno na cachoeira do Pereque, em Cubatão, também fez com que duas pessoas desaparecessem na mesma data. Assim como os outros dois casos, as vítimas ainda não foram encontradas pelo Corpo de Bombeiros. No mesmo local, outras nove pessoas ficaram ilhadas e foram resgatadas pelos bombeiros sem ferimentos.


Cabeça d'água


Cabeça d'água é o fenômeno de aumento rápido e repentino da água em cachoeiras, rios e lagos, devido às chuvas intensas nas cabeceiras ou em trechos mais altos do curso d'água. E isso representa um grande perigo.


Logo A Tribuna