Deputada e empresários do Vale do Ribeira pedem estudo sobre ramal ferroviário Cajati-São Vicente

Em reunião, Rosana Valle (PSB-SP) e representantes da região falaram sobre a necessidade de um estudo de viabilidade técnica e econômica para retomada de linha

A deputada federal Rosana Valle (PSB-SP) e empresários do Vale do Ribeira irão pedir ao presidente, Jair Bolsonaro, que seja feito um estudo de viabilidade técnica e econômica para a retomada do Ramal Ferroviário Cajati-São Vicente. 

A necessidade do estudo foi debatida, nesta segunda-feira (3), numa reunião entre a parlamentar e os representantes da região. A ação é considerada vital para definir a aplicação dos R$ 300 milhões de multa que a empresa Rumo pagará ao Governo Federal pela devolução sem utilização do ramal.

Dentre os empresários que apontam a viabilidade da retomada do ramal, está Eduardo Machado, da área de mineração. Também compareceram representantes do setor agrícola, vereadores e comerciantes, como o próprio irmão do presidente, Renato Bolsonaro.

Os empresários acreditam que o estudo poderá revelar o potencial da região e assim atrair investidores para a retomada dos trens, que tanto já contribuíram para o desenvolvimento da região.

Tudo sobre: