EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

16 de Novembro de 2019

Missa em memória do jornalista Manuel Alves Fernandes é realizada neste sábado

Maneco trabalhou por 45 anos em A Tribuna e faleceu há um ano. Ato ocorrerá na Igreja São Francisco de Assis, em Cubatão

Será celebrada, às 11 horas deste sábado (26), uma missa em memória do jornalista Manuel Alves Fernandes, o Maneco, que trabalhou por 45 anos em A Tribuna e cuja morte completa um ano nesta data. O ato ocorrerá na Igreja São Francisco de Assis (Avenida Nossa Senhora da Lapa, 676, na Vila Nova, em Cubatão).

A maior parte da trajetória de Maneco em A Tribuna foi na Sucursal de Cubatão, onde atuou por mais de quatro décadas. Cobriu acontecimentos como o incêndio na Vila Socó, em 1984. Era fonte de informações muito requisitada sobre a Cidade e frequentemente consultado por políticos, artistas e advogados.

Maneco nasceu em Portugal, na freguesia de São Martinho de Mouros, em Viseu, em 26 de abril de 1945. No Brasil, trabalhou como jornalista a partir da década de 1960. Esteve em atividade até seu último dia. Morreu aos 73 anos, por causa de complicações cardiorrespiratórias.

Tudo sobre: