EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

16 de Setembro de 2019

Incerteza sobre reabertura de Centro de Línguas de Cubatão preocupa alunos

Instalado no Jardim Casqueiro, equipamento precisa passar por reestruturação pedagógica

A indefinição sobre a reabertura do Centro de Línguas instalado no Jardim Casqueiro, em Cubatão, tem preocupado alunos. Alguns compraram materiais e sequer começaram as aulas e outros precisavam de poucos meses para concluir o curso segue suspenso desde dezembro.

É o caso de Beatriz Moreira de Vasconcelos, de 21 anos. A jovem aprendiz estudou espanhol por quase dois anos, mas quando faltava um módulo para receber o diploma, no fim do ano passado, as portas da escola se fecharam e agora ela tem pouca esperança de finalizar.

“Só explicaram que precisava de uma reformulação e mais nada. Foi marcada uma reunião para o começo de maio, mas foi desmarcada e não sabemos mais nada”, reclama.

Em fevereiro, a Prefeitura cubatense recebeu alunos e professores, assim como em março. Eles foram recebidos pela secretária de Educação, Márcia Terras, e o secretário de Manutenção e Serviços Públicos, Gilvan Guimarães, a pedido do vereador Rodrigo Ramos Soares (o Rodrigo Alemão).

Márcia Terras explicou que o Centro de ensino precisa passar por reestruturação pedagógica. Por isso, optou por não reabrir as portas.

“Reconhecemos a importância do Centro de Línguas para o Município e por isso será reestruturado para oferecer toda qualidade que os alunos e os profissionais merecem”, frisou, na época, sobre a escola que oferece gratuitamente cursos de inglês e espanhol.

O local que atendia cerca de 300 alunos necessita de mais profissionais. A contratação aguarda o término do concurso público 2/2014 e alguns serviços de manutenção no prédio.

Relatório

Questionada na última terça (11), a prefeitura informou que um relatório está em desenvolvimento. Pontos como atualização dos registros, situação do próprio, número de alunos, frequência estão em análise. O documento deve ser entregue ainda neste mês à secretária de Educação. Só após a avaliação serão tomadas medidas.