EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

20 de Novembro de 2019

Golfinho é encontrado morto na Praia do Indaiá em Bertioga

Equipe do Gremar foi acionada por bombeiros locais. Especula-se que causa da morte seja a interação do animal marinho com a pesca

Um golfinho adulto da espécie pontoporia blainvillei (toninha) foi encontrado morto nesta sexta-feira (27), na Praia do Indaiá, em Bertioga. Segundo o Instituto Gremar, o corpo estava em estágio avançado de decomposição. A organização informou que a principal causa de óbito desse golfinho é a interação com a pesca.

De acordo com o instituto, foi impossível identificar se o golfinho era macho ou fêmea devido à ausência de órgãos. O acionamento da equipe do Gremar foi feito pelos bombeiros locais, por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). 

O PMP/BS é voltado para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal do Polo Pré-Sal da Bacia de Santos da Petrobras, conduzida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). O objetivo é avaliar possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos. Para isso, monitoram praias, e fazem atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos. 

O projeto é realizado desde Laguna (SC) até Saquarema (RJ), sendo dividido em 15 trechos. O Gremar monitora o Trecho 9, entre São Vicente e Bertioga. Tem base de funcionamento em Guarujá, com atuação 24h. O contato para acionar as equipes é feito pelo telefone 0800-642-3341.

Tudo sobre: