Baixada Santista seleciona 388 guardas-vidas temporários para o verão

Selecionados vão atuar na Operação Praia-Segura, que será colocada em prática durante a alta temporada

A Polícia Militar do Estado de São Paulo abriu inscrições para 388 guardas-vidas temporários a fim de reforçar as equipes do Corpo de Bombeiros que atuam nas praias da região. Há oportunidades para oito municípios locais – exceto Cubatão – no apoio aos grupamentos que atendem à faixa litorânea.

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Ao todo, a corporação paulista destinará 600 vagas temporárias para a operação Praia-Segura, que ocorrerá durante a alta temporada (verão 2020/2021). Além da região, há opções para as demais cidades do litoral paulista, bem como São Paulo e São Bernardo do Campo. 

Com 100 agentes temporários, Praia Grande é a cidade da Baixada Santista com maior número de vagas. Mongaguá (60), Bertioga (58), Guarujá (50), Itanhaém (50), Peruíbe (40), São Vicente (20) e Santos (10) fecham a listagem regional. 

Há ainda oportunidades para Ilha Comprida (36), Iguape (14), São Sebastião (30), Ilhabela (12), Caraguatatuba (20), Ubatuba (50), São Paulo (36), São Bernardo do Campo (14).  

Inscrições 

As inscrições podem ser feitas até 31 de outubro pelo site do Corpo de Bombeiros. Também há a opção de fazer o cadastro pessoalmente em uma unidade da corporação, das 9h às 18 horas. 

Para participar do processo seletivo, os interessados devem ter 18 anos ou mais, estar em dia com as obrigações militares e eleitorais, ter concluído o Ensino Fundamental ou equivalente e não exercer funções públicas. 

As provas serão realizadas no município indicado no ato da inscrição, no dia 3 de novembro, a partir das 10 horas. Serão feitas avaliações de habilidades técnicas, como correr e nadar. 

Os aprovados serão informados via Diário Oficial do Estado. A contratação se inicia em 9 de novembro, com término do contrato em 31 de março de 2021. Os contratados terão jornada de 40h semanais. A remuneração é de R$ 1.290,66, somados de auxílios transporte e refeição.   

Tudo sobre: