Ladrões invadem pastelaria, atiram e levam pânico a casal de chineses no litoral de SP

Vítimas estão internadas em observação; criminosos fugiram

Um casal de chineses, dono de uma pastelaria na Avenida Marina, em Mongaguá, passou por momentos de pânico durante assalto ao estabelecimento, na tarde de segunda-feira (22). Diante da reação de uma das vítimas, que se armou com um cutelo, um dos ladrões a agrediu com coronhadas na cabeça. O seu comparsa efetuou dois disparos de pistola, acertando uma parede e o teto.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços! 

Não havia fregueses na pastelaria quando chegou a dupla de assaltantes. Os bandidos anunciaram o roubo e utilizaram lacres de plástico, conhecidos por “engasga-gato”, para imobilizar os punhos do chinês W., de 35 anos, e da sua mulher, L, de 33. Os criminosos pegaram R$ 700,00 e documentos das vítimas. Eles ainda exigiram a chave do apartamento onde o casal reside, que foi entregue.

Porém, em determinado momento da ação criminosa, o comerciante W. conseguiu se soltar do lacre, armou-se com um cutelo e entrou em luta corporal com um dos assaltantes, que o agrediu com coronhadas na cabeça. Simultaneamente, o outro marginal disparou duas vezes, mas sem atingir as vítimas. Após os tiros, os ladrões fugiram levando o dinheiro, os documentos e a chave.

O barulho dos disparos chamou a atenção de um vizinho, que prestou socorro às vítimas. Elas foram levadas ao Pronto-Socorro Central do município, permanecendo internadas em observação. Os criminosos não chegaram a ir à moradia dos chineses. Eles perderam na fuga um carregador de pistola 380 com 15 munições, correntinha dourada e uma pistola airsoft. Os projéteis que acertaram a parede e o teto foram apreendidos. 

Tudo sobre: