EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

5 de Agosto de 2020

Homem furta peças metálicas dentro de túnel da Rodovia dos Imigrantes

Segundo moradores das proximidades, um homem começou a construir um barraco de madeira em área proibida

Um homem furtou 22 conectores metálicos de mangueiras de combate a incêndio de um túnel da pista descendente da Rodovia dos Imigrantes. Alertado sobre o delito, um funcionário da concessionária Ecovias avistou o acusado momentos após ele cair da bicicleta que pedalava.

Com ferimentos leves, o suspeito, de 43 anos, foi medicado no Pronto-Socorro Central de Cubatão. Depois, na Delegacia de Cubatão, ele negou o furto. Em situação de morador de rua, alegou que descia a Serra de bicicleta e encontrou às margens da pista um saco com as peças de metal, recolhendo-o.

Sobre a queda, o homem disse que se desequilibrou após um animal passar pela frente da bicicleta. Ele foi autuado por furto qualificado pelo delegado Francisco José Morgado Lanfred e recolhido à cadeia. Em fevereiro, o acusado havia sido preso em flagrante, mas a Justiça lhe concedeu liberdade provisória no dia seguinte, em audiência de custódia.

A justificativa do morador de rua de que “achou” o material foi contestada. Antes de o acusado ser detido, outro funcionário da Ecovias o presenciou furtando os conectores de mangueiras, mas não interveio de imediato. Ele dirigia um carro e seria arriscado à sua segurança e à dos demais usuários da rodovia parar no túnel.

O furto aconteceu no túnel descendente 3, batizado de Plínio Marcos, que tem 3.009 metros de extensão. Segundo o funcionário que flagrou o delito, ele viu o acusado no km 54 e comunicou por telefone o ocorrido à Ecovias. Posteriormente, o outro colaborador da concessionária avistou o homem caído fora do túnel, quatro quilômetros à frente.

Tudo sobre: