EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

20 de Novembro de 2019

Bandidos invadem casa hospedada por turistas em Praia Grande: 'não queremos pisar na cidade'

Grupo estava na praia quando suspeitos arrombaram o portão e furtaram diversos objetos e pertences. Caso aconteceu na manhã de sábado (19) no Jardim Esmeralda

Turistas de Itu tiveram de encerrar a estadia na Baixada Santista após terem a casa onde estavam hospedados invadida por criminosos. O caso aconteceu na manhã de sábado (19), em Praia Grande. Até o momento, nenhum dos suspeitos do crime foi identificado e o caso está sob investigação da Polícia Civil. Assustados e indignados, as vítimas relataram que não pretendem mais "pisar na cidade".

A Tribuna Online conversou com uma das vítimas, que relatou conhecer a cidade, uma vez que já se hospedou para passar finais de semana e também na época de temporada. O grupo de turistas, formado por 14 adultos e sete crianças, alugou uma casa na Rua Domitilha de Castro, no Jardim Imperador.

Eles chegaram na cidade na noite de sexta-feira (18) e, no sábado, pela manhã, resolveram ir para a praia. Uma das turistas precisou retornar à residência, quando se deparou com o portão arrombado. Ao adentrar, ela encontrou o lugar totalmente revirado. 

Ao saber do ocorrido, o grupo inteiro retornou para a casa. Segundo relataram, os criminosos levaram bolsas, roupas, comidas, bebidas, roupas para bebês, remédios e demais pertences pessoais dos turistas.

"Ainda bem que não estávamos em casa, vai saber o que poderia ter acontecido, ainda mais com crianças de colo", relatou uma vítima. "Sendo bem sincero, não pensamos em querer pisar na cidade. Gostamos muito de ir à praia, já fomos em outras oportunidades, mas vamos dar um tempo. Quem sabe no fim do ano que vem", completa.

Antes de chamar pela Polícia Militar, o grupo conversou com vizinhos procurando por câmeras de monitoramento que poderiam ter registrado a invasão. Eles tiveram acesso a imagens de um estabelecimento, que mostram um veículo prata parando em frente a casa, por volta das 9h15. Vizinhos relataram que a casa em questão tem sido alvo de criminosos com regularidade.

A Polícia Militar foi acionada e teve acesso as imagens, mas não foi possível identificar os criminosos. Uma das vítimas foi até a delegacia de Praia Grande, mas não conseguiu registrar um boletim de ocorrência, pois o grupo tinha hora marcada com um transporte alternativo de passageiros para retornar para Itu.

Na cidade, eles foram até um distrito policial e registraram a ocorrência que foi repassada para a Polícia Civil de Praia Grande, que prossegue com as investigações. Investigadores já tiveram acesso as câmeras de monitoramento. Até o momento, nenhum suspeito foi identificado.

Caso está sob investigação da Polícia Civil de Praia Grande (Foto: Reprodução)
Tudo sobre: