Estado recebe mais 1,8 milhão de doses de vacinas Covid-19

Essa é a segunda distribuição desde a última quinta-feira (19) para São Paulo

Por: ATribuna.com.br  -  24/08/21  -  06:00
  Nessa remessa serão 452 mil doses da Coronavac, 489 mil da Pfizer/BioNtech e 873,5 mil da AstraZeneca
Nessa remessa serão 452 mil doses da Coronavac, 489 mil da Pfizer/BioNtech e 873,5 mil da AstraZeneca   Foto: Divulgação/PMPG

O Ministério da Saúde envia nesta semana mais 1,8 milhão de doses de vacinas Covid-19 para o estado de São Paulo. Nessa remessa, serão 452 mil doses da Coronavac, produzidas pelo Instituto Butantan, 489 mil doses da Pfizer/BioNtech e 873,5 mil doses da AstraZeneca, produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz. Essa é a segunda distribuição desde a última quinta-feira (19).


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Desde o início da campanha de vacinação, o estado já recebeu 48,7 milhões de doses de vacinas Covid-19 – mais de 47 milhões foram aplicadas.


Na sexta-feira (20), o Ministério da Saúde apresentou todos os detalhes do caminho dos imunizantes, desde a entrega pelos laboratórios até os braços dos brasileiros. Para garantir ainda mais transparência, uma nova plataforma está no ar, no portal LocalizaSUS. Por lá, é possível acompanhar todo o processo de liberação e controle de qualidade das vacinas.


Distribuição


Para que todas as unidades da federação completem os esquemas vacinais de forma equânime, os estados receberam doses de acordo com a população acima de 18 anos ainda não vacinada. O objetivo é equipar a campanha em todo o país, para que todos os estados avancem juntos na imunização.


Campanha acelerada


O Ministério da Saúde já distribuiu mais de 215 milhões de doses para todos os estados e Distrito Federal. A primeira dose já chegou para mais de 122 milhões de brasileiros, ou seja, mais de 76,2% do público-alvo de 160 milhões de brasileiros com mais de 18 já começou o ciclo vacinal. A segunda dose ou imunizantes de dose única já chegaram para mais de 55 milhões de pessoas. Isso significa que 34% do público-alvo está totalmente protegido contra Covid-19.


Logo A Tribuna
Newsletter