Hang Loose Surf Attack começa nesta quinta-feira, em Camburi

Cronograma de baterias do evento de surfe está definido; primeira etapa vai até 3 de outubro

Por: ATribuna.com.br  -  28/09/21  -  01:01
 Serão 288 surfistas, de 10 estados do Brasil, disputando a primeira etapa
Serão 288 surfistas, de 10 estados do Brasil, disputando a primeira etapa   Foto: Divulgação/SPSurf

Os 288 surfistas, entre meninos e meninas, de 10 estados do Brasil, vão disputar a primeira etapa do Hang Loose Surf Attack 2021, que tem início nesta quinta-feira (30), e segue até 3 de outubro, na Praia de Camburi, em São Sebastião. O evento já está com o cronograma das baterias definido e disponibilizado no site da SPSurf, organizadora do evento.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Os primeiros confrontos serão entre os atletas das categorias SUB 16 e 18, com previsão de início às 8h da manhã. As marcas indicam boas ondas durante o evento e as baterias serão transmitidas ao vivo, com comentários do ex-surfista profissional Fábio Gouveia, ao lado dos comentaristas oficiais, o paulista Michael Cardoso e o carioca Rick Lopes.


"Estamos na expectativa do evento, ainda mais que as previsões indicam boas ondas para essa molecada. Será um show de surfe. Estamos trabalhando para trazer muita atração para o público presente também", informou Zé Paulo, presidente da Federação de Surf do Estado de São Paulo (SPSurf).


O Hang Loose Surf Attack é o mais tradicional circuito de categorias de base do país e chega à 33ª edição. Além de representantes de São Paulo, como Didi Aguiar (campeão paulista sub-18) e Ryan Kainalo, colecionador de títulos do Hang Loose Surf Attack, também confirmaram presença Sophia Gonçalves, Naire Marquez e Yasmin Neves, alguns destaques femininos paulistas. O evento conta com atletas de Santa Catarina, do Rio de Janeiro, Bahia, do Paraná, Rio Grande do Norte, da Paraíba, do Espírito Santo, Pernambuco e do Ceará.


Entre as meninas, confirmaram presença a bicampeã catarinense amadora e vice-campeã brasileira Sub 16, Kiany Hyakutake, além da paranaense, também vice-campeã brasileira da Sub14, Luara Mandelli. Muitos outros nomes de destaque nacional da base estão nas listas.


Premiação
Os campeões das categorias sub16 e sub18, têm premiação em dinheiro, no valor de R$ 1.000,00 cada, além de troféus feitos a partir de plásticos recolhidos da Praia de Camburi, e produzidos pelo Projeto SIRI.


O restante dos pódios do sub16 e 18 também recebe premiação em dinheiro. O segundo lugar, R$ 500,00; terceiro, R$ 300,00; quarto, R$ 200,00. Outros R$ 2.000,00 serão ofertados para os vencedores do Fu Wax Air Show, e para Melhor Manobra Feminino (mil reais cada).


Os finalistas das demais categorias receberão troféus, blocos de prancha, leashs (cordinhas), protetores solares, parafinas e decks antiderrapantes.


Tudo sobre:
Logo A Tribuna
Newsletter