EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

6 de Agosto de 2020

Zona Noroeste de Santos terá áreas verdes que equivalem a seis campos de futebol

Região recebeu o plantio de 2.144 mudas de árvores das 4.754 previstas no Programa Ambiental de Compensação das obras da Entrada da Cidade

A Zona Noroeste de Santos terá 63.410 metros quadrados de áreas verdes, o equivalente a seis campos de futebol no padrão da Fifa (10.800 metros quadrados cada). A região já recebeu o plantio de 2.144 mudas de árvores das 4.754 previstas no Programa Ambiental de Compensação das obras da Entrada da Cidade. O plantio das 2.610 restantes está em andamento.

As áreas são compostas pelo plantio de mudas para a formação de logradouros públicos permeáveis, ou seja, canteiros e calçadas que ajudam no escoamento das águas das chuvas. E pelo plantio em área, onde as mudas adequadas são colocadas em pontos de preservação ambiental. As espécies nativas como jerivá, quaresmeira e ipê estão em diversos bairros como Bom Retiro, Castelo e São Manoel.

“O plantio em área é um processo de enriquecimento ecológico. São locais com vegetação, mas que foram degradados no passado, e agora recebem o plantio de mudas de árvores nativas para recompor o ambiente original”, explicou o responsável pelo projeto paisagístico da Nova Entrada de Santos, engenheiro agrônomo Ernesto Kazuwo Tabuchi.

O plantio das árvores está dividido em quatro etapas. A primeira fase já foi executada, com 444 mudas na encosta do Morro Monte Serrat. A segunda fase, que está sendo finalizada, já teve o plantio de 1.700 mudas das 2.372 previstas. A terceira e quarta etapas somam 1.938 mudas em execução de plantio.

A Prefeitura afirma que a arborização é feita de forma adequada para cada tipo de espaço público, como calçadas, canteiros e encostas. “O plantio em calçada cumpre um papel ecológico contribuindo para o conforto ambiental. Além disso, tem função estética dando cores ao cenário urbano com folhas, troncos e flores”, destacou Tabuchi.

Tudo sobre: