Prefeitura de Santos publicará decreto para regulamentar retorno à fase amarela do Plano SP

Medida foi tomada após anúncio do governador João Doria, que aumentou medidas restritivas após o aumento de casos de coronavírus no estado

A Prefeitura de Santos publica, nesta quarta-feira (2), um decreto que disciplina o regresso do município à fase amarela do Plano São Paulo de retomada econômica. As adaptações e ajustes necessários para o regresso de etapa serão discutidas nesta terça (1), com representantes de setores interessados como restaurantes, bares e hotéis. 

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal, GloboPlay grátis e descontos em dezenas de lojas, restaurantes e serviços!

“Chegarmos a um consenso e cumpriremos as regras; com diálogo e a união de todos, teremos muito mais êxito nesse enfrentamento” disse o prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), após anunciar os encontros, na noite desta segunda-feira (30).

O retorno da Baixada Santista à fase amarela – até então na verde – foi anunciado pelo governador João Doria (PSDB) na manhã desta segunda-feira (30). A medida é válida até 4 de janeiro de 2021, quando será anunciada uma nova avaliação sobre a pandemia.

Continuam valendo as exigências quanto ao uso de máscara facial em áreas públicas e estabelecimentos privados.  Distanciamento de clientes e disponibilização de álcool em gel também seguem obrigatórios durante o funcionamento.

Segundo a prefeitura, desde a última sexta-feira (27) foi intensificada a fiscalização de bares, restaurantes e shopping centers, em trabalho que terá continuidade pelas próximas semanas, envolvendo equipes da Guarda Civil Municipal (GCM), da Secretaria de Finanças (Sefin) e da Secretaria de Saúde (SMS).

Tudo sobre: