Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Contêiner na Arena Santos vai armazenar a vacina contra a Covid-19

Instalação do equipamento acontece na tarde desta segunda-feira

Por:  -  18/01/21  -  15:32
Dupla é presa por furtar Arena Santos
Dupla é presa por furtar Arena Santos   Foto: Matheus Tagé/AT

Um contêiner refrigerado vai armazenar as doses de vacina contra a Covid-19 destinadas ao público-alvo prioritário em Santos. O equipamento ficará nas instalações do Arena Santos (Avenida Rangel Pestana, 184 - Vila Mathias). A unidade deve receber as primeiras doses do imunizante ainda na tarde desta segunda-feira (18), estima a administração santista.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


De acordo com a prefeitura, o contêiner refrigerado será instalado a partir das 17 horas desta segunda-feira (18). O equipamento de 20 pés (pouco mais de seis metros) é refrigerado (de 2 a 8 graus) para o armazenamento das vacinas. O local contará com segurança 24 horas.


A expectativa é que a cidade receba a primeiras doses do imunizante CoronaVac ainda na tarde de hoje. Essa foi a previsão do secretário municipal de Saúde, Adriano Catapreta, em entrevista ao JT1, da TV Tribuna.


A vacina, desenvolvida em parceria com um laboratório chinês e o instituto Butatan, recebeu neste domingo (17) autorização de uso emergencial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)


Ainda conforme a administração santista, o local para o armazenamento as doses de vacina contra a Covid-19 é fruto de uma parceria do Município a armadora MSC. Dez veículos serão utilizados para a distribuição das vacinas e insumos, bem como um eventual remanejamento. Os carros também serão utilizados no deslocamento das equipes de saúde responsáveis pela vacinação dos acamados.


Plano


Em Santos, o cronograma de vacinação contra a Covid-19 segue o calendário divulgado no Plano Estadual de Imunização (PEI), com início da oferta das doses em 25 de janeiro – data que ainda depende de confirmação do governo estadual, responsável pelo envio de doses aos municípios.


Segundo o PEI, os grupos prioritários para vacinação são os profissionais de saúde em atividade e as pessoas com mais de 60 anos, que serão vacinados de forma escalonada (ver mais abaixo).


Em Santos, o público-alvo nesta primeira etapa é formado por 104.419 pessoas, sendo 23.885 trabalhadores da saúde e 80.534 idosos.


Na Cidade, a imunização será feita em 31 policlínicas nas cinco regiões. O atendimento será ampliado em duas horas diárias e um dia por semana, ocorrendo de segunda a sábado, das 8h às 17h. Normalmente, a vacinação ocorre nas unidades de segunda a sexta, das 9h às 16h, e aos sábados, no mesmo horário, em quatro unidades (Aparecida, Vila Mathias, Nova Cintra e Bom Retiro).


A vacina que será aplicada é feita com vírus inativado do novo coronavírus, produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, principal produtor de imunobiológicos do Brasil e responsável por grande parte das vacinas utilizadas no Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde.


A aplicação é feita em duas doses, com intervalo de 21 dias. Obrigatoriamente, a segunda dose deve ser do mesmo tipo da primeira. Isto porque estão previstas que vacinas de outros fabricantes sejam incorporadas em breve pelo Ministério da Saúde.


Acamados


A vacinação dos 550 idosos acamados ou com dificuldades de locomoção, já acompanhados pela Seção de Atendimento Domiciliar (Seadomi), será feita pela equipe do próprio serviço. Este público não precisará realizar inscrição.


Os familiares e representantes legais dos idosos acamados ou com restrições de mobilidade, os quais não são atendidos pela Seadomi, deverão realizar inscrição na policlínica de referência do seu bairro para a vacinação em domicílio. As inscrições serão feitas entre os dias 12 e 22 de janeiro, mediante apresentação de documentação que comprove a condição de saúde do paciente.


Logo A Tribuna