Conserto de tubulação perfurada deve durar mais três dias, diz prefeitura

Em razão disso, interdições para a construção de um viaduto na entrada de Santos foram adiadas, com nova data de início de obras ainda a ser definido

Por: De A Tribuna On-line  -  08/01/19  -  00:19
  Foto: Paulo Tavares/G1

Os trabalhos de conserto da tubulação da Companhia de Gás de São Paulo (Comgás), que foi perfurada na noite de sábado (5), devem continuar pelo menos até quinta-feira (10), informou a Prefeitura de Santos. Em razão disso, as interdições para a construção de um viaduto na entrada da cidade, programados para terça-feira (8), foram adiadas.


Segundo a Comgás, responsável pela tubulação, o problema foi causado durante obras realizadas por uma empresa de fibra óptica, que, ao abrir um buraco no asfalto, perfuraram a tubulação. Ainda não há data definida para o início das obras do viaduto.


Agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) de Santos seguem no local para controlar o trânsito nos cruzamentos das Avenidas Martins Fontes e Nossa Senhora de Fátima. A Pista 4 da Martins Fontes segue totalmente bloqueada.


A CET orienta que os motoristas evitem a área. O acesso à Via Anchieta pela Nossa Senhora de Fátima está interditado. Como opção, os motoristas podem acessar a marginal da Anchieta até o Casqueiro para depois poder ingressar na pista expressa da rodovia. Além disso, podem acesar o viaduto da Alemoa para chegar à Anchieta.


Entrada de Santos
Entrada de Santos   Foto: Alexsander Ferraz/AT

Logo A Tribuna