EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

17 de Julho de 2019

Câmara de Santos estuda possibilidade de policlínicas atenderem com horário ampliado

Indicação solicita estudos para que algumas tenham horário de atendimento estendido até às 22 horas

O presidente da Câmara de Santos, vereador Rui de Rosis (MDB), apresentou a indicação nº 1469/2019, solicitando estudos para que algumas policlinicas tenham horário de atendimento ampliado até as 22h. O objetivo é reduzir o tempo dos agendamentos de consulta nas policlínicas da cidade e desafogar as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Atualmente, as mais de 30 policlínicas da cidade de Santos atendem das 7h às 17h. Para o presidente da Casa, o novo horário seria muito benéfico para os munícipes. “Com a possível ampliação do horário em algumas unidades, a população ganharia em agilidade dos agendamentos”, ressalta De Rosis.

Para de Rosis, o expediente estendido nas policlínicas resultaria imediatamente na diminuição das filas na UPAs. “Agilizando os agendamentos nas policlínicas, automaticamente tiramos parte da demanda das unidades de pronto atendimento”, explica o vereador.

Cerca de 60% dos atendimentos que chegam as UPAs não são urgências e emergências e deveriam ser atendimentos em consultório. “É muito importante que as nossas Policlínicas funcionem bem. A rede primária funcionando bem, o restante fica desafogado”.

Presidente da Câmara ressalta a importância do atendimento ampliado nas policlínicas (Foto: Irandy Ribas/AT)