EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

16 de Novembro de 2019

Primavera dá mais cor à flora nativa e exótica do Uruguai

Mosaico biocultural pode ser conferido em jardins botânicos, bosques, parques e feiras

A primavera é, sem dúvida, uma das melhores épocas do ano para encontrar-se com as cores, os aromas e as texturas das flores nativas e exóticas do Uruguai. Percorrer os jardins botânicos, bosques, parques, eventos e feiras são algumas das propostas turísticas para apreciar um mosaico “biocultural” único.

A flora nativa representa uma enorme diversidade, que vai desde o ornamental ao frutal, do medicinal ao mel, do amaderado ao aromático. As flores nativas estão presentes no Uruguai nas ribeiras e proximidades de rios, arroios e lagoas, montes e pradarias, dunas e serras.

Algumas das espécies de flores de árvores nativas mais conhecidas são: barba de chivo, flor de guayabo del país, palo de fierro, plumerillos (vermelhos e rosados), mimosas, bibi, machines, margarita punzo, margarita morada, petúnia, juancho, santa lucía, entre outras.

Algumas das propostas para descobrir a flora nativa uruguaia e a exótica são: o Arboretum Lussich, em Maldonado; o Jardim Botânico em El Prado , em Montevidéu; o Parque Nacional Aaraón Anchorena, em Colonia e Montes del Queguay, em Paisandú.

Marca registrada

O Uruguai possui uma presença de flora exótica introduzida ao longo dos séculos por colonos e imigrantes que chegaram a habitar determinados territórios, formam parte de cenários florais, associados à produção agrícola e à floricultura.

Na primeira metade do século 20, Uruguai recebe a imigração japonesa, a maioria dos imigrantes, que eram provenientes do meio rural e se mantiveram na zona rural em Montevidéu e Canelones, permaneceram dedicados à floricultura. Como testemunha desse legado está o Jardim japonês de Montevidéu, no bairro “del Prado”.

Outra programação importante é a Feira Floral da Paz - Feria Floral de La Paz, em Canelones. Ela acontece no dia 9 de novembro das 14 às 20 horas e a festa se caracteriza pelo intercâmbio cultural do povo japonês e o uruguaio.

O centro da feira são as flores e os protagonistas são os floricultores, que expõem e compartilham os segredos de cada uma. No evento também existirão apresentação de dança, gastronomia e outras exposições.

Voltando a Montevidéu, na Sociedade Criolla Elias Regules, localizada na Av. Bolivia, 2.455, esquina com Dr. Elias Regules, entre o dia 31 próximo e 3 de novembro acontece a Feira de Flores e Jardins – Feria de Flores & Jardines. O evento promove a jardinagem, inspirado e emoldurado pelos jardins de campo, com passeios de compras, palestras, oficinas e gastronomia.

Fiesta del Girasol

Se o turista ficar com vontade de ver mais, pode ir organizando a agenda para abril. Na cidade de San Javier, no “departamento” de Río Negro, é celebrada a Fiesta del Girasol, evento emblemático da história dos agricultores russos que chegaram ao vizinho, no início do século 20 , fundando a colônia de San Javier em Río Negro. Desde sua chegada até os dias de hoje são pioneiros na produção de azeite de girassol.

Mais informações no site da Uruguay Natural.

Tudo sobre: